Catamarãs confirmam presença na 50ª Semana Internacional de Vela de Ilhabela

0
115

Evento terá mais de 120 barcos ao todo, entre eles os catamarãs, e busca desenvolver o turismo na região

A 50ª Semana Internacional de Vela de Ilhabela já está no clima para receber o maior encontro da modalidade na América do Sul. Neste ano, as regatas serão de 23 a 29 de julho, no Yacht Club de Ilhabela (YCI). As inscrições estão abertas, e uma das atrações da disputa será mais uma vez a participação de catamarãs, que estão listados na categoria dos Multicascos.

Já são cinco embarcações deste tipo confirmadas na raia de Ilhabela (SP): Guará 3, Mente Sã, Papacat, Maré XX e Savage. Destes, o Papacat é o único estreante e chega com status de sensação, devido ao potencial de desempenho. O catamarã é capaz de atingir a velocidade de 25 nós.

Em média, o evento recebe 120 veleiros no total, do Brasil e até de outras partes do mundo. São convidados barcos das classes Bico de Proa, Clássicos, C-30, HPE 25, Multicascos, RGS e ORC e VPRS.

“É muito importante este campeonato para a gente. É um dos eventos mais técnicos que existem, e que exigem grande esforço por parte dos velejadores. Tem várias classes profissionais, e agora estão dando abertura a classes amadoras, o que é bastante interessante”, comentou Valdeci Gonçalves, velejador da embarcação Guará 3.

“Que seja uma grande festa, uma comemoração especial. Esperamos regatas de alto nível. É fantástico ver tantos barcos com alta performance. É um privilégio”.

 

Os catamarãs são embarcações de dois cascos, movidas a vela ou a motor, e conhecidos pela estabilidade. Por outro lado, a participação de catamarãs em regatas é incomum devido ao pequeno número de catamarãs existentes na região Sudeste, em comparação com a quantidade de monocascos. Em Ilhabela (SP), eles fazem o mesmo circuito que os monocascos.

A estreia dos catamarãs será no domingo, 24 de julho, na Regata Toque-Toque por Boreste com 25 milhas náuticas. As classes C30, RGS-C e Bico de Proa (categorias A, B, e C) também fazem esse percurso. A Renato Frankenthal – só para HPE25 – terá 10 milhas náuticas.

O evento é composto por até 12 regatas para as classes de monotipos C30 e HPE 25 e dez para as demais categorias. A competição será aberta com a tradicional regata Alcatrazes por Boreste – 100 anos Veleiro Atrevida – Marinha do Brasil.

A organização fará, ao longo da semana, regatas de acordo com as condições de mar e vento, podendo ser no Canal de São Sebastião ou nas raias mais ao norte e ao sul da ilha. Serão três tipos: percursos longo, médio e barla-sota (entre boias).

As inscrições estão abertas no site oficial do evento

Baixe o Aviso de Regata Oficial

Programação da Semana Internacional de Vela de Ilhabela

Leia todos os textos e releases da competição

Vídeos das regatas de anos anteriores

Curta as nossas redes sociais: Facebook e Instagram