Viagens de cruzeiro crescem no Brasil com cassinos luxuosos e experiência única no oceano

0
88
“Fonte: Pixabay

A vida em alto-mar não se resume às grandes competições, como a Ocean Race ou as disputas olímpicas de iatismo. Nos últimos anos, o crescimento no turismo com as viagens de cruzeiro mostram que os barcos também são uma boa opção para conhecer outros países e cidades. Além de todo conforto, esses cruzeiros se transformaram em locais perfeitos para os fãs de jogos de apostas, principalmente por causa dos cassinos luxuosos disponíveis para os turistas.

 

Em 2019, segundo a própria Agência Brasil, a busca por cruzeiros no país cresceu 19% no primeiro trimestre. Ou seja, foram mais de 290 mil embarques de brasileiros nestes tipos de navios ao redor da costa do país. Isso mostra que o gosto pelas viagens em alto-mar está se tornando usual no Brasil e não para de crescer. Olhando para os cruzeiros disponíveis, é fácil entender o motivo.

As empresas que existem no país disponibilizam, pelo menos, 10 navios diferentes e todos eles com, pelo menos, um salão de cassino. Na frota de cruzeiros da MSC Cruzeiros, por exemplo, é possível conhecer o MSC Virtuosa, que possui mais de 331 metros de comprimento e conta com o Red Gem Casino. A casa de jogos é um dos salões principais do cruzeiro e um dos maiores motivos de ele fazer tanto sucesso entre os clientes brasileiros.

Os fãs de jogos de apostas estão sempre a buscar alternativas diferentes, e além dos cruzeiros hoje também se pode recorrer às plataformas online. Portais como o da Betfair Cassino online disponibilizam diversos serviços, estando entre eles o uso da tecnologia de streaming como forma de reproduzir a atmosfera dos cassinos físicos e oferecer mesas de jogos como blackjack, roleta e pôquer em tempo real, proporcionando aos jogadores uma experiêncoa imersiva. Agora, os cruzeiros também são uma opção, como mostra o portal Dreamlines, principalmente pela diversidade e a experiência de jogar nesses cassinos luxuosos em alto-mar.

 

Divulgação

Setor em alta

Todo esse crescimento das viagens em cruzeiros gera um ganho financeiro não apenas para as empresas, mas também para o Brasil. O portal Investe SP afirma que, em 2019, foram injetados cerca de R$ 2 bilhões na economia brasileira. Isso mostra que o país está seguindo a tendência mundial, pois o crescimento ao redor o mundo, neste setor, foi de 60% em 10 anos. São mais de 30 milhões de pessoas interessadas em passar algum tempo em alto-mar, seja curtindo a paisagem ou se divertindo nas dependências do navio.

Assim, é possível entender quais são os motivos de tanto investimento na área, principalmente aqui no Brasil. A enorme costa brasileira, além da existência de lugares como Fernando de Noronha, faz com que o turismo no oceano Atlântico próximo ao país seja bastante chamativo. Algo sobre o que todo velejador sabe muito bem, principalmente se já competiu em diferentes cidades da costa.

Os cruzeiros são uma opção diferente para quem quer explorar o alto-mar de maneira confortável e ter uma experiência interessante. Seja jogando uma partida de pôquer no cassino ou então apenas curtindo visitas a ilhas isoladas, essa é uma experiência que vale a pena ter, pelo menos, uma vez. Afinal, as águas não precisam apenas ser usadas para regatas e competições de iatismo. O entretenimento no mar é mais variado do que algumas pessoas imaginam.