Malizia II – Yacht Club de Monaco é o 12º IMOCA em Salvador. Barco estará na Ocean 2021-22

0
95

O alemão Boris Herrmann e o britânico Will Harris, em seu monocasco de 60 pés, Malizia II – Iate Clube de Mônaco, terminaram em décimo segundo na classe IMOCA da 14ª edição do Transat Jacques Vabre Normandie Le Havre.

A dupla completou a regata nesta segunda-feira (11) em 14 dias, 22 horas 28 minutos e 43 segundos depois de deixar Le Havre,  na França no domingo, 27 de outubro.

O Malizia II – Iate Clube de Mônaco percorreu 4.979,52 milhas náuticas a uma velocidade média de 13,89 nós e terminou 1 dia 10 horas 20 minutos e 43 segundos atrás do vencedor, Apivia.

“Estamos muito felizes em estarmos aqui em Salvador, muito tempo na água e uma regata difícil para nós em direção aos Doldrums, sentimos que estávamos muito envolvidos. Não foi o melhor caminho para o fim, mas estou muito feliz com a regata e estar com Boris, com toda sua experiência”, disse Will Harris.

Firam apenas 22 minutos e 20 segundos atrás do11º colocado, Maître CoQ.

Herrmann foi o quarto na última edição da regata e Harris se destacou no circuito de Figaro, além de trabalhar para o gerenciamento de regata da Ocean Race.

Seu barco ficou lado a lado com Hugo Boss, quando disseram que atingiram um objeto não identificado a cerca de 400 milhas noroeste das Ilhas Canárias e eventualmente perderam a quilha.

Eles perseguiram o companheiro de foiler de 2015, Maître CoQ, até a linha de chegada e deixaram os barcos da geração 2007-08, Corum L´Epargne e Groupe Apicil, para trás.

“É ótimo chegar aqui em Salvador, boas-vindas incríveis e um trabalho incrível da equipe, o barco é realmente confiável agora. Estou pronto para a Vendee, foi incrível velejar com ele. Estou muito feliz por termos conseguido fazer isso juntos. Tivemos muitas coisas acontecendo e tentando vencer. Este barco realmente tem alguns pontos agradáveis onde vai quase tão rápido quanto você gostaria. Tivemos alguns dias realmente agradáveis por aí”, disse Boris Herrmann.