Cabo Verde recebe a Ocean Race na próxima temporada

0
334

Cabo Verde se tornará o segundo país africano que receber uma parada da The Ocean Race, regata de volta ao mundo com mais de 40 anos de história.

A prova já foi para África do Sul seguidas vezes e agora confirma estreia em Cabo Verde, uma ilha com sotaque português no meio do Atlântico.

A parada de 2021-22 será no porto de Mindelo, na ilha de São Vicente. Cabo Verde consiste em 10 ilhas vulcânicas e com aproximadamente 570 quilômetros de extensão.

“É emocionante poder introduzir uma nova parada do evento e envolver os fãs em uma parte diferente do mundo em comparação com as edições anteriores”, disse Johan Salén, diretor administrativo da The Ocean Race.

“Com a sua localização, Cabo Verde tem uma forte tradição marítima e também mostra grande interesse e progresso em iniciativas de sustentabilidade, o que a torna uma opção natural para a The Ocean Race.”

A flotilha da Ocean Race será formada por barcos VO65 e IMOCA 60 e terá base em Porto Grande, em Mindelo, enquanto estiver em Cabo Verde.

“Cabo Verde está muito feliz por ter sido escolhido para sediar uma parada na edição de 2021-22 da The Ocean Race”, disse o primeiro-ministro Ulisses Correia e Silva. “Estamos ansiosos para receber as equipes e seus muitos fãs nas nossas ilhas”.

“Esta é uma excelente oportunidade para mostrar o melhor do que Cabo Verde tem a oferecer e é um grande salto para a nossa economia marítima”, acrescentou Jorge Pimenta Maurício, presidente da ENAPOR. “Estamos empolgados em abrir nossos portos – e nossos corações – para o mundo.”

O processo de escolha das cidades-sede para a edição de 2021-22 da The Ocean Race está sendo concluído e mais locais serão anunciados nas próximas semanas.

Cabo Verde se une a Haia, Holanda e Aarhus, Dinamarca, além do porto de origem da regata, que é Alicante, como destinos confirmados na próxima edição.