Usain Bolt pilota o GENBETA, o carro da Fórmula E que quebra recordes

0
103

O homem mais rápido do mundo pilotou o carro elétrico que bateu o recorde mundial, antes da primeira corrida da 10ª temporada na Cidade do México

O homem mais rápido do mundo, Usain Bolt, experimentou um novo nível de velocidade e aceleração de tirar o fôlego, ao assumir o volante do carro de corrida GENBETA, que quebrou o recorde mundial da Fórmula E, na Cidade do México, na sexta-feira (12).

Antes da primeira corrida da 10ª temporada no Campeonato Mundial ABB FIA de Fórmula E, o medalhista de ouro olímpico dirigiu o revolucionário carro de corrida elétrico da Fórmula E GENBETA durante uma volta completa na pista onde será realizado o E-Prix Hankook da Cidade do México de 2024 neste fim de semana.

O homem mais rápido do mundo nos 100m e 200m não resistiu a possibilidade de experimentar as capacidades do GENBETA, que quebrou o recorde mundial oficial de velocidade em pista coberta (indoor) em mais de 50 km/h, atingindo 218,71 km/h dentro do ExCeL London, na semana decisiva da temporada passada.

Bolt acelerou desde a linha de largada na pista do circuito Autódromo Hermanos Rodríguez, alcançando 0-60mph em 2,89 segundos e percorrendo 100m em 4,36 segundos – 5,22 segundos mais rápido que seu recorde mundial de 100m de 9,58 segundos.

Antes de experimentar a potência de 400kW do GENBETA , Bolt teva a oportunidade de ser orientado pelo o atual campeão mundial de Fórmula E, Jake Dennis (Andretti Formula E Team) e a ex-estrela da Fórmula 1 e novo apresentador de TV da Fórmula E, David Coulthard.

O GENBETA apresenta uma série de modificações para “desbloquear” efetivamente as especificações do carro de corrida GEN3 da Fórmula E.

Apresentado na última temporada, o GEN3 é o carro de corrida elétrico mais rápido, leve, potente e eficiente já construído. Com uma velocidade máxima de mais de 322 km/h (200 mph), o GEN3 é usado pelas 11 equipes e 22 pilotos no Campeonato Mundial ABB FIA de Fórmula E.

“O carro de corrida GENBETA é como um foguete sobre rodas. Ter a oportunidade de pilota-lo foi uma experiência alucinante. A potência desde o início foi uma grande surpresa e a adrenalina que você sente é em um nível diferente de tudo que já experimentei antes. Disseram-me que assim que você pilota, você não quer parar ou sair e eles estavam certos. Eu faria isso todos os dias se pudesse. Se eu tiver mais tempo, com certeza irei mais rápido”, declarou Usain Bolt, recordista mundial dos 100m, 200m e 4x100m.

“Usain Bolt é elétrico. O que poderia ser mais Fórmula E do que reunir dois recordistas mundiais – Usain Bolt e o nosso carro de corrida GENBETA – só para ver o que acontece? Usain quebrou o recorde mundial há 15 anos e ninguém chegou perto de vencê-lo desde então. Ele veio ao nosso evento hoje com a mesma determinação e confiança para sair de sua zona de conforto, entrar em nosso incrível carro de corrida e ver o que ele poderia fazer. Ele também está me perguntando se pode voltar amanhã e ver se consegue ir ainda mais rápido”, disse Jeff Dodds, CEO da Fórmula E.

“Fiquei muito impressionado com o foco e o desejo de Usain de ter um desempenho forte. Coloque o homem mais rápido do mundo neste incrível carro de corrida e ele sempre o levará ao limite. Uma vez campeão, sempre campeão”, comentou David Coulthard, ex-piloto de F1 e apresentador de TV da Fórmula E.

 

SOBRE O CARRO DE CORRIDA DE FÓRMULA E GENBETA QUE QUEBRA O RECORDE MUNDIAL:

Em 25 de julho de 2023, dias antes do último fim de semana de corrida da Temporada 9 do Campeonato Mundial ABB FIA de Fórmula E, o revolucionário carro de corrida elétrico de Fórmula E, o GENBETA, quebrou o recorde mundial de velocidade em solo indoor em mais de 50 km/h, atingindo uma velocidade máxima de 218,71 km/h (135,9 mph) dentro de um prédio em Londres.

• O título oficial do GUINNESS WORLD RECORDS foi conquistado pelo piloto Jake Hughes, da NEOM McLaren Formula E Team, que competiu com o piloto da equipe Mahindra Racing, Lucas di Grassi, para estabelecer o recorde mundial de velocidade mais rápida alcançada por um veículo em ambientes fechados.

• A dupla se enfrentou no formato “Duelos” usado na qualificação para corridas de Fórmula E para ver quem conseguia estabelecer a velocidade mais rápida em ambientes fechados em apenas 346 metros de pista reta, usando o mesmo carro GENBETA.

• Nenhum dos pilotos tinha estado ao volante do GENBETA antes, mas ambos bateram o recorde mundial anterior de 165,2 km/h (102,65 mph) estabelecido em fevereiro de 2021 em todos os três treinos e tentativas oficiais de recorde mundial.

As modificações no GEN3 como parte do projeto GENBETA incluem:

• Maior potência da bateria de 400 kW, acima dos 350 kW do GEN3, através da ativação do kit de trem de força dianteiro, proporcionando tração integral pela primeira vez em um carro de Fórmula E. A bateria foi carregada pela ABB, parceira titular do campeonato e responsável pelo carregamento do Campeonato.

• Novo composto de pneu iON Race, mais macio, que permite um aquecimento mais rápido e melhor aderência, desenvolvido pela Hankook Tire, fornecedor oficial de pneus da Fórmula E.

• Placas finais da asa dianteira impressas em 3D, aletas das rodas e um defletor de vento para otimizar a aerodinâmica e aumentar a velocidade em linha reta do GENBETA.

• Além das inovações tecnológicas no carro GENBETA, o Google Cloud forneceu inteligência artificial (IA) generativa para análise das corridas dos pilotos. Usando sua plataforma líder, Vertex AI, Hughes e Di Grassi conseguiram interpretar dados de telemetria em tempo real para gerar recomendações de velocidade, potência e aderência. Isso lhes deu a capacidade de interagir e conversar com uma interface para ajudar a ajustar sua abordagem nas três tentativas.

• Especialistas da McKinsey & Company, liderados por seu braço de IA, QuantumBlack, construíram componentes de dados e análises para criar a interface do driver que analisou e consultou dados em tempo real por meio de IA generativa para a tentativa de registro.

• Um avaliador do Guinness World Records monitorizou as tentativas para garantir que os pilotos cumpriam critérios rigorosos. Para estabelecer o recorde oficial de velocidade em pista coberta, o carro GENBETA teve que partir de uma partida estática e parar completamente dentro de uma estrutura contínua do edifício.

• Os pilotos partiram parados dentro da arena de eventos ExCeL Londres e fizeram uma curva de 130 graus a cerca de 40 km/h antes de acelerarem rapidamente ao longo da reta de 346 metros da pista

• A reta coberta faz parte da pista de 2,09 km que é única no automobilismo mundial por se estender dentro e fora da arena de eventos ExCeL London de 100.000 m², na área de Docklands, no leste de Londres, que sediou as duas últimas corridas da 9ª Temporada do Campeonato Mundial ABB FIA de Fórmula E.

• A velocidade deles foi medida por um sofisticado sistema de radares de velocidade em um ponto fixo, apenas cinco metros antes dos pilotos entrarem na zona de frenagem – o comprimento da pista necessário para parar completamente e permanecer dentro do prédio.

 

Sobre a Fórmula E e ‘ABB FIA Formula E World Championship’:

Primeiro campeonato mundial elétrico da FIA – Federation Internationale de l’Automobile, a Fórmula E desponta como único esporte neutro em carbono da história, certificado desde a concepção.

O Campeonato Mundial ABB FIA de Fórmula E realiza corridas eletrizantes ao redor das cidades mais icônicas do mundo, onde tornou-se importante plataforma internacional para o desenvolvimento da tecnologia de veículos elétricos e a promoção da mobilidade limpa, através do automobilismo de alta-performance.

Na Fórmula E, equipes e parceiros unem-se pela paixão ao esporte e pela crença no potencial para acelerar o progresso sustentável, criando um futuro melhor para as pessoas e para o planeta.

www.FIAFormulaE.com

Informações à imprensa: media@fiaformulae.com

 

Sobre a ABB:

A ABB é líder tecnológica em eletrificação e automação, permitindo um futuro mais sustentável e eficiente. As soluções da empresa conectam conhecimento de engenharia e software para otimizar processos de fabricação, transporte, alimentação e operação. Com mais de 130 anos de excelência, os cerca de 105.000 funcionários da ABB atuam comprometidos em impulsionar inovações que acelerem a transformação industrial.

www.abb.com

Foto: FIA Fórmula E