Martine Grael e Kahena Kunze disputam o Pan de olho em Paris 2024

0
120

As bicampeãs olímpicas Martine Grael e Kahena Kunze estão prontas para buscarem a vaga olímpica na classe 49erFX em Paris 2024. O caminho é a disputa dos Jogos Pan-Americanos de Santiago, no Chile, entre os dias 28 de outubro e 5 de novembro. A parceria mais vitoriosa da vela feminina brasileira detém o título de atual campeã do evento, conquistado em Lima 2019, e busca a terceira medalha, já que foi prata em Toronto 2015.

Para alcançar o grande objetivo na raia de Algarrobo, as brasileiras precisam terminar os Jogos Pan-Americanos como primeiras colocadas da classe América do Sul. Dentre as principais adversárias das brasileiras, estão as argentinas Maria Sol Branz e Cecília Carranza. Martine reconhece que a experiência da dupla pode ser um trunfo, mas destaca a alta competitividade na classe hoje em dia.

“Nossa experiência em Jogos Olímpicos ajuda, mas não subestimamos o nível das nossas adversárias, que estão se preparando muito bem. O nível tem crescido muito. Nosso desempenho no Mundial foi um motor para algumas mudanças importantes”, disse Martine.
No Mundial de Haia, na Holanda, a dupla brasileira terminou em 12º lugar e não conseguiu a classificação antecipada para os Jogos de Paris. O resultado levou a equipe, que tem a brasileira Martha Rocha e o espanhol Pepe Lis como treinadores, a ajustar o planejamento.

“Fizemos um treino específico para o Pan, com ajustes finos de manobra e adaptação ao material. Como não classificamos o país no Mundial, focamos 100% no Pan. Sabemos que as argentinas podem dar bastante trabalho. São muito fortes. Chegamos cedo para nos adaptarmos às ondas e aos ventos e vamos dar o nosso melhor”, destaca Kahena.