Fortaleza- Capital Nacional do Kite – cria portal para ser mais um canal de promoção do turismo cearense

0
162

Uma cidade turística  com forte vocação para o esporte náutico e em especial esportes de vento como kite. Pois é, Fortaleza acaba de receber a quinta edição do Molokabra e o Campeonato Brasileiro de Canoagem, atraindo parao Ceará mais de 300 desportista. Uma nova marca de marketing  já esta em evolução que é a campanha Movimento Fortaleza Capital do Kite.

Com o foco no turismo e no turista a Secretaria do Turismo de Fortaleza  da Prefeitura de Fortaleza, lançou  o Portal Visit Fortaleza e também o  projeto Nômades Digitais, criado para contribuir com  um segmento crescente de viajantes que priorizam a flexibilidade de trabalho e a independência de localização.

“O novo portal vem para ser mais um canal de promoção da nossa cidade. Além de muito completo, ele ficou também muito atrativo, o que faz toda a diferença na hora do turista navegar. No momento em que o turista visita nossa página, já estamos vendendo a cidade e prometendo uma viagem de sonhos. Essa é uma ferramenta fundamental no nosso trabalho de divulgação de Fortaleza”, observa o secretário municipal do Turismo, Alexandre Pereira

Com um design leve, descontraído e responsivo, o novo portal do Turismo de Fortaleza traz diversas seções, como Beira-Mar, Gastronomia, História e Cultura, Compras e Pet Friendly. Em todas elas, o internauta irá encontrar diversas dicas de como desfrutar distintas experiências na cidade, como passeios de veleiro, caminhadas pela Beira-Mar, restaurantes, atividades náuticas, museus e muito mais. Não podia, claro, faltar a agenda cultural da cidade, sempre atualizada com os eventos que podem interessar turistas e fortalezenses.

O projeto Nômades Digitais surgiu para atender a um nicho cada vez maior dentro do turismo: o dos profissionais que trabalham online e podem morar onde quiserem, sem as limitações que um expediente presencial impõe. Aqueles que queiram receber o Selo Nômade Digital devem atender a determinados critérios que viabilizam o trabalho online de qualidade, como internet de alta velocidade, atendimento bilíngue e desconto para longa estadia (no caso de hotéis) e espaços de coworking.

“O mundo pós pandemia criou uma cultura do trabalho remoto, que já existia, mas não era tão forte. Com isso, muitas pessoas começaram a buscar aliar a vida profissional com a pessoal. O projeto Nômades Digitais vem para atender a esse público” explica Alexandre Pereira. “Fortaleza está se preparando para receber ainda melhor esses profissionais e precisamos divulgar isso. Já estamos visitando os estabelecimentos para avaliar as condições e certificar os que atendem aos critérios necessários. Os estabelecimentos certificados ficarão em uma lista dentro do site Visit Fortaleza para que o visitante possa saber antecipadamente onde se hospedar e em que locais terá condições de trabalhar na cidade”, explica o secretário do Turismo  de Fortaleza  Alexandre Pereira.

Movimento Fortaleza Capital do Kite.

A ideia é trabalhar o tema em diversas frentes, além de lançar roteiros e materiais promocionais em feiras nacionais e internacionais, com ações e campanhas segmentadas, para comunicar toda a estrutura que a cidade oferece: atualmente, há nove escolas em funcionamento, sendo cinco na Barra do Ceará e quatro na Praia do Futuro.

O kitesurf vem impactando positivamente a Barra do Ceará. Com uma excelente estrutura para o esporte, o local conta atualmente com cinco escolas que também atendem aos praticantes iniciantes e gera renda e emprego para os moradores da região.

O movimento, portanto, também tem como objetivo desenvolver o território da Barra do Ceará, que tem alto potencial para o kitesurf, estimulando a qualificação e o empreendedorismo na região.

As ações preveem, ainda, capacitação das pessoas envolvidas nas atividades, por meio de aulas de inglês (Fortaleza Bilíngue), de gastronomia e de instrutores de kite, entre outros cursos.

Capitaneado pela Setfor, o Movimento Fortaleza Capital do Kite contará com parceiros como o Sebrae, trade turístico, operadoras, federações e associações ligadas aos esportes náuticos.