Escolinha de Mountain Bike celebra evolução física e mental em temporada de estreia

0
86
Evolução na Escolinha de Mountain Bike (Doug Oliveira)

Em sua estreia em Curitiba, a Escolinha de Mountain Bike tem muitos motivos para comemorar. O projeto chega ao final do ano com 100% de melhora na saúde física e mental dos alunos. Entre os resultados observados, os mais expressivos foram a diminuição do peso e a melhora clínica de crianças com quadros de distúrbios de humor e ansiedade.

De março até dezembro, a Escolinha de Mountain Bike promoveu aulas regulares, realizadas ao ar livre. Além das técnicas de ciclismo, os treinos incluíram fortalecimento muscular e exercícios funcionais. O objetivo do projeto é proporcionar o acesso à bike a crianças entre 7 e 15 anos, em situação de vulnerabilidade social.

“Muitos alunos chegaram com distúrbios de humor, ansiedade, crise de pânico, sintomas agravados pelo isolamento durante a pandemia de coronavírus. E tivemos uma resposta muito positiva. Todas apresentaram uma grande melhora no convívio social com outras crianças, assimilaram as regras, ganharam disciplina. E diminuíram ou até abandonaram o uso de remédios”, destaca a coordenadora Karla Simas, fisioterapeuta à frente da clínica Incorp, especializada em ortopedia esportiva.

Na última avaliação física, realizada esta semana, os números também foram expressivos. “Temos como parâmetros as dobras cutâneas, altura e peso dos alunos, além de testes de velocidade, habilidades na bicicleta, habilidades motoras e aptidão física. E todos cresceram regularmente e diminuíram medidas. São resultados palpáveis. Algumas crianças, por exemplo, faziam quatro voltas de bicicleta em 8 minutos, e agora fazem em 4 minutos”, comemora Karla.

 

Entrega de certificados

No final de novembro, os alunos da Escolinha de Mountain Bike participaram de um evento especial no Colégio da Polícia Militar do Paraná. Junto com os triatletas mirins da Escolinha de Triathlon Formando Campeões, fizeram um simulado na pista de MTB do colégio. No final, receberam os certificados do projeto.

“O evento foi um grande teste para as crianças, sem caráter competitivo, e também uma celebração. Contamos com a presença do presidente da Federação Paranaense de Ciclismo, Alexandre Lagana, e o presidente da Federação Paranaense de Triathlon, João Alberto Mazorca”, conta Karla Simas.

Para a fisioterapeuta, o grande mérito da Escolinha de Mountain Bike é trazer de volta para os mais jovens a socialização, o estilo de vida saudável, ao ar livre, e o prazer pelo esporte. O projeto, assim, combate a influência cada vez maior da tecnologia, hoje presente nos trabalhos escolares, nos jogos eletrônicos e até nas conversas com os amigos. “É um grande resgate da saúde física e mental das crianças”, resume.

A Escolinha de Mountain Bike é viabilizada pela Lei de Incentivo ao Esporte, programa da Secretaria Especial do Esporte, Ministério da Cidadania e Governo Federal com a execução da Associação Curitibana Desportiva. Os patrocinadores são Electrolux e Thales.