Itajai Sailing Team no Campeonato Catarinense de Vela: clínica de vela para a 46ª edição da Semana de Vela de Ilhabela

0
480

 

Itajaí Sailing Team disputa 1ª etapa do Catarinense de Vela e a quarta etapa da Copa Veleiros de Oceano/ Imagem: IST

Enquanto a cidade Capital Catarinense da Vela está na expectativa de ser oficializada para receber pela quarta vez, a parada brasileira da Ocean Race o veleiro Itajai Sailing Team, que já passou pelas mãos do campeão de uma regata volta ao mundo Torben Grael, atraca neste final de semana no píer do Iate Clube de Santa Catarina para participar da a primeira etapa do Campeonato Catarinense de Vela e a quarta etapa da Copa Veleiros de Oceano

O Itajaí Sailing Team (IST) disputa no final de semana, dias 15 e 16, a primeira etapa do Campeonato Catarinense de Vela e a quarta etapa da Copa Veleiros de Oceano. O time itajaiense entra forte na briga, correndo pelas categorias IRC e ORC e buscando o pentacampeonato. As competições acontecem a partir das 12h, nas raias do Iate Clube de Santa Catarina – Veleiros da Ilha, na praia de Jurerê, em Florianópolis.

As regatas são abertas às classes ORC, IRC, C30, BRA RGS A e B, RGS Cruzeiro A e B, Bico de Proa, e HPE 25, sendo a última etapa do calendário do ICSC neste semestre. Diferente das demais competições da Copa Veleiros de Oceano, que tem a maioria de suas etapas com regatas de percurso, as Regatas Lineares são realizadas no formato barla-sota (entre boias). Estão programadas duas regatas para o sábado e outras duas para o domingo.

O manager do IST, Alexandre Antonio dos Santos, vê as regatas organizadas pelo Iate Clube de Santa Catarina como uma espécie de clínica de vela para a participação time na 46ª edição da Semana de Vela de Ilhabela, que acontece de 13 a 20 de julho, no Yacht Club Ilhabela (YCI) e engloba tradicionais provas percurso e barla-sota. “Embora sejam regatas lineares, esse é o momento propício para fazermos os preparativos finais, testarmos os equipamentos e entrosarmos a tripulação que vai participar da disputa em Ilhabela, que é uma das mais importantes da América do Sul”, diz Alexandre.

Para repetir os feitos dos quatro últimos anos, o IST disputa esta etapa do Catarinense com uma tripulação formada pelos velejadores Gastão Furlin, José Irineu Silva, Edmundo Grisard, Alexandre Back, Henrique Grisard, Fernando Ropelatto, Orlando França Júnior e pela velejadora mirim Brenda Furlin, tendo o velejador olímpico Marcelo Gusmão Reitz como comandante.

Também participarão desta prova dois dos seis velejadores da categoria Optimist que tiveram suas frases escolhidas em promoção realizada pelo IST no ano passado. Eles deveriam ter participado da Regata Porto Belo, em outubro do ano passado, mas tiveram suas participações adiadas, por questões de segurança. Os outros quatro velejadores escolhidos deverão ser chamados para velejar com o IST no decorrer deste ano.

O barco usado pelo Itajaí Sailing Team na no campeonato será o veleiro homônimo, um Soto 40, considerado um dos mais rápidos da classe Oceano. Tem 12,30 metros de comprimento, 3,75 metros de largura, calado de 2,60 metros e mastro com 19,5 metros contados a partir da linha d´água. É um barco planador projetado pelo argentino Javier Soto Acebal e construído em fibra de vidro e carbono pelo estaleiro MBoats, de Buenos Aires.