Fórmula E: Felipe Nasr comenta a estreia na Cidade do México

0
2

bd9i3833 jpg-288439-low

O Brasil ganhou um novo representante no grid da Fórmula E no último fim de semana: trata-se de Felipe Nasr, ex-F1 e atual campeão da IMSA (Campeonato americano de protótipos), que assinou com a GEOX Dragon para correr na temporada 2018-19, no lugar do alemão Maximilian Gunther, que agora é piloto de testes da equipe de Jay Penske.

O 2019 CBMM Niobium Mexico City ePrix foi a prova de estreia do piloto brasiliense na categoria, onde teve seu primeiro contato com o Gen2 na pista.

No primeiro treino livre do fim de semana, Felipe Nasr fez o 12º melhor tempo sessão, enquanto na segunda sessão, foi o 19º mais rápido. No classificatório, o brasileiro fez o 14º tempo, ficando a frente do seu companheiro de equipe, o argentino José Maria López, que esta presente na categoria desde a primeira temporada.

Na largada, Felipe Nasr conseguiu se manter em 14º, mas ao tentar usar a zona de ativação do Modo de Ataque na terceira volta, acabou sendo atingido por um dos carros da NIO Fórmula E Team. Com o carro avariado, o brasileiro terminou a prova na 19ª colocação.

“Foi uma corrida bem difícil. A largada até foi boa, consegui manter a minha posição. E na terceira volta, quando nos aproximamos da zona de ativação do Attack Mode e me posicionei para usar este recurso, fui atingido por outro carro. E depois disso, meu carro ficou danificado e a corrida ficou muito difícil”, comentou Felipe Nasr.

“Mas ainda assim, tem o lado positivo de ter sido a minha primeira experiência na Fórmula E, e tem muito para acontecer. Pelo menos consegui entender um pouco como as coisas funcionam e espero ter uma próxima corrida mais satisfatória.”

No domingo (17), Felipe Nasr participou do último teste da temporada para as equipes, e cravou o 16º melhor tempo do dia: 59.402, na sessão da manhã. Foram 36 voltas cronometradas na primeira sessão, e 40 voltas na segunda sessão, realizada a tarde, no Autódromo Hermanos Rodríguez.

Por conta do calendário da IMSA, Felipe Nasr ficará de fora do ePrix de Roma por conta da etapa de Long Beach na competição americana de protótipos.