Corinthians Steamrollers investe em formação de atletas enquanto joga a BFA

0
214
Foto: Léo Silveira
Foto: Léo Silveira
Foto: Léo Silveira

O Corinthians Steamrollers segue sua missão de formar jogadores de futebol americano no País: em reformulação com o time de desenvolvimento e focando em seletivas para a temporada 2019, a equipe se mantém nas disputas dos principais eventos da modalidade.

Depois de chegar à semifinal da SPFL, que é o Campeonato Paulista da modalidade, o Rolo Compressor faz uma campanha irregular na BFA, o Brasileirão 2018.

Neste domingo (16), o Corinthians Steamrollers foi a Vila Velha reencontrar um velho rival, o Tritoes. Mas não foi desta vez que o Rolo Compressor quebrou o indigesto tabu na competição nacional: perdeu a partida pelo placar de 40 a 06.

”Estamos em um processo de reformulação e investindo na formação, com seletivas e treinamentos foçados para a equipe de desenvolvimento. Temos de ser realistas e nos adaptar ao mercado”, explicou Ricardo Trigo, diretor da equipe.

A próxima seletiva do Corinthians Steamrollers está marcada para o dia 23 de setembro, no Nacional Atlético Clube.

Sobre o jogo em Vila Velha 

Apesar de jogar longe de seus domínios, o Corinthians Steamrollers contou com o apoio do inicio ao fim da partida da Torcida Camisa 12, que compareceu ao Campo do Tupi para apoiar a equipe paulista.

Dentro de campo, o Tritões começou o jogo pressionando, e apesar da defesa corintiana conseguir suportar a pressão nos minutos iniciais, o time capixaba conseguiu superar as diversidades e encerrou o primeiro tempo com o placar de 19 a 00.

No segundo tempo, os donos da casa aumentaram ainda mais a pressão e ampliaram a vantagem no placar com a dupla Niko-Weberton.

O Rolo Compressor ainda conseguiu diminuir no último quarto a diferença com um touchdown anotado por Calebe Rodrigues, após passe de Jean Monne atuando improvisado como quarterback.

”O jogo como esperado não foi fácil. O Tritões saiu na frente e começou mostrando sua superioridade em campo.  O time do Corinthians, mesmo viajando 15 horas para chegar até Vila Velha, jogou com raça e determinação até o final. Estávamos bem desfalcados, sem vários jogadores titulares e mesmo assim, nos mostramos um time competitivo. O apoio da torcida foi fantástico e essencial pra apoiar o time”, comentou Cris Kaji, coordenadora do Steamrollers.

Apesar de não ter mais chances de ir aos playoffs da BFA (Brasil Futebol Americano), o Corinthians Steamrollers ainda terá mais dois compromissos na competição: dia 29/09 contra o Flamengo Imperadores, e dia 20/10 contra o América Locomotiva. Ambas as partidas serão realizadas em Suzano.