HONG KONG – FORMULA E: QUARTA TEMPORADA COM DOIS BRASILEIROS ENTRE OS FAVORITOS: NELSON PIQUET JR. (PANASONIC JAGUAR RACING) E LUCAS DI GRASSI (AUDI SPORT ABT SCHAEFFLER),

0
104

 

2016/2017 FIA Formula E Championship. Round 7 - Berlin ePrix, Tempelhof Airport, Berlin, Germany. Saturday 10 June 2017. Nelson Piquet (BRA), NextEV NIO, Spark-NEXTEV, NEXTEV TCR Formula 002. Photo: Alastair Staley/LAT/Formula E ref: Digital Image _X0W8864
2016/2017 FIA Formula E Championship. Round 7 – Berlin ePrix, Tempelhof Airport, Berlin, Germany. Saturday 10 June 2017. Nelson Piquet (BRA), NextEV NIO, Spark-NEXTEV, NEXTEV TCR Formula 002. Photo: Alastair Staley/LAT/Formula E ref: Digital Image _X0W8864

A temporada 2017-18 da Fórmula E começa na madrugada deste sábado (2), a partir de 4h, com dois brasileiros entre os favoritos: Nelson Piquet Jr. (Panasonic Jaguar Racing) e Lucas Di Grassi (Audi Sport ABT Schaeffler), que é o atual campeão da Fórmula 1 dos carros elétricos. A Fox Sports transmite as provas

As provas iniciais serão nas ruas e avenidas e Hong Kong. Ao todo o campeonato conta com 10 equipes e 20 pilotos. A corrida 100% elétrica tem como missão impulsionar a tecnologia de veículos elétricos e moldar os carros do futuro.

O que é a Fórmula E?

A Fórmula E é o campeonato mundial de corridas de rua com carros elétricos. O evento ocorre em algumas das cidades mais interessantes do mundo. Serão 10 equipes e 20 pilotos, incluindo os brasileiros Lucas Di Grassi e Nelson Piquet Jr. A Fórmula E chega à sua quarta temporada em 2017.

A corrida 100% elétrica tem como missão impulsionar a tecnologia de veículos elétricos e moldar os carros do futuro.

Onde e quando ocorre?

O primeiro E-Prix da temporada 4 ocorre no centro de Hong Kong com duas provas: 2 e 3 de dezembro de 2017. O campeonato vai até julho de 2018. O campeonato apresenta 14 corridas em 11 das cidades mais interessantes do mundo – incluindo provas nas ruas de Hong Kong, Paris e Nova York.

Esta temporada teremos provas de Fórmula E em Santiago e Roma pela primeira vez. Além disso, após 60 anos a Suíça receberá uma corrida, o E-Prix Zurich de julho de 2018.

Calendário completo:

Hong Kong em 2 e 3 de dezembro

Marraquexe, Marrocos em 13 de janeiro

Santiago, Chile em 3 de fevereiro

Cidade do México, México em 3 de março

Indefinido em 17 de março

Roma, Itália em 14 de abril

Paris, França em 28 de abril

Berlim, Alemanha em 19 de maio

Zurique, Suíça em 10 de junho

Nova Iorque, EUA, em 14 e 15 de julho

Montreal, Canadá em 28 e 29 de julho

Quais os circuitos utilizados?

Exceto para as provas de Marraquexe e Cidade do México, a Fórmula E ocorre em circuitos de rua temporários. Como as corridas são realizadas em ruas públicas, as pistas são muito mais apertadas do que outros circuitos de automobilismo tradicionais, tornando ainda desafiador para os pilotos.

Quanto tempo uma corrida dura?

Todas as provas da última temporada foram concluídas em cerca de uma hora.

A vitória mais rápida da temporada foi completada em 45 minutos, enquanto a mais longa foi de 59 minutos.

A Fórmula E é a única em que o treino, qualificação e o E-Prix ocorrem no mesmo dia. Então, apesar da corrida mais curta, os pilotos são testados em sua parte de resistência.

Como os pontos são alocados?

Os pontos são atribuídos aos 10 primeiros classificados da seguinte forma:

1 º – 25 pts

2º – 18 pts

3 º – 15 pts

4 º – 12 pts

5 º – 10 pts

6 º – 8 pts

7 º – 6 pts

8 º – 4 pts

9 º – 2 pts

10 º – 1 pt

Pole position (primeira colocação) ganha três pontos e o piloto do top-10 com a volta mais rápida também ganha um ponto adicional.

Quão rápido podem ir os carros?

Um carro de Fórmula E pode atingir uma velocidade máxima de 140 mph (milhas por hora) e pode passar de 0 a 60 mph em três segundos. Em média, um carro da Fórmula E tem um poder de pelo menos 250 cavalos de potência. A velocidade dos carros já se duplicou desde a temporada 1.

Como eles são alimentados?

Os carros são carregados pela eletricidade usando geradores que funcionam com um combustível praticamente livre de emissão de combustível – glicerina. A glicerina é um líquido doce e oleoso obtido a partir de gorduras e óleos de animais ou pela fermentação da glicose. O combustível usado para os carros da Fórmula E é tão limpo que um humano pode beber.

Quanto eletricidade eles usam?

Durante uma corrida, um carro da Fórmula E tem uma potência máxima de uso de 180kW. Este seria o equivalente a carregar um iPhone por mais de quatro anos.

Os carros fazem barulho?

Um carro de Fórmula E produz um ruído diferente de qualquer outro veículo de corrida, que é de 10 decibéis mais alto do que um carro de turismo. O ruído agudo é como um avião decolando. Embora ainda mais alto do que um veículo rodoviário médio, os carros são mais silenciosos do que os carros de Fórmula 1, o que ajuda a permitir que as corridas ocorram em áreas mais densamente povoadas.

Quais equipes e fabricantes estão envolvidos?

A Fórmula E possui 10 equipes, incluindo a representação dos fabricantes de automóveis Audi, DS, Jaguar, Renault, Mahindra, Venturi, Penske, NIO e Andretti.

BMW e Nissan entrarão como fabricantes na temporada 5, enquanto a Mercedes-Benz e a Porsche irão juntar-se à série da temporada 6. A bateria usada por todos os carros da Fórmula E foi projetada pela Williams.

O grid completo para a temporada 2017/18:

Audi Sport ABT Schaeffler, Alemanha

DS Virgin Racing, Reino Unido

Panasonic Jaguar Racing, Reino Unido

Equipe Venturi Formula E, Monaco

DRAGON, EUA

Renault e.dams, França

NIO Formula E Team, China

TECHEETAH, China

Mahindra Racing, Índia

Andretti Formula E, EUA

Quem são os principais pilotos?

O atual campeão é o brasileiro Lucas di Grassi que compete pela Audi Sport ABT Schaeffler. O evento tem outros dois campeões na atual disputa, Nelson Piquet JR que corre para a Panasonic Jaguar Racing e o piloto suíço Sebastien Buemi que guia na Renault e.dams.

A Grã-Bretanha está bem representada na DS Virgin Racing com Sam Bird e Alex Lynn. O primeiro terminou em quarto lugar no ano passado depois de vencer o E-Prix em Nova York. O compatriota se classificou em primeiro lugar em sua primeira e única corrida em Nova York no ano passado.

Oliver Turvey, outro piloto britânico, corre para NIO.

E tem o Nico Prost, filho do tetracampeão mundial de Fórmula 1 Alain Prost. O francês guia um Renault E. O francês mais novo a competir na Fórmula 1 estará no grid. Trata-se de Jean-Eric Vergne da TECHEETAH.

O alemão Andre Lotterer, que ganhou três vezes a Le Mans, estará ao lado dos compatriotas Nick Heidfeld, que passou uma década na F1. Os outros são Maro Engel, na Venturi, e Daniel Abt, na Audi.

O neozelandês Mitch Evans e o sueco Felix Rosenqvist completam o quadro dos mais jovens da linha de largada.

Quem está na Fórmula E?

Alejandro Agag é o CEO e fundador da Fórmula E. O empresário e empreendedor espanhol está envolvido com o automobilismo há muito tempo e é ex-presidente do Queens Park Rangers.

As lendas de corrida assumiram papéis como diretores de equipe, como o quatro vezes campeão mundial de F1, Alain Prost, na Renault, o ex-piloto de Fórmula 1 Allan McNish da Audi e a lenda Americana da Indy Michael Andretti, chefe da MS & AD Andretti Formula E.

Outros nomes famosos que desempenham um papel no esporte incluem Leonardo DiCaprio, que co-fundou Venturi Formula E e Sir Richard Branson, que possui a equipe DS Virgin Racing como parte da Virgin Group.

As celebridades  Will.iam, Paris Hilton, Antonio Banderas e Irina Shayk já foram vistos nas corridas da Fórmula E. Chris Hemsworth até levou um carro da Fórmula E para uma voltinha em Nova York no ano passado.

Qual a diferença entre a Fórmula E e a Fórmula 1?

Mesmo a Fórmula E e a Fórmula 1 sendo dois esportes da mesma família, eles são diferentes esportes por vários motivos – é como comparar snowboard ao esqui, ou no vôlei de quadra ao de praia.

A Fórmula 1 usa motores híbridos, enquanto os carros da Fórmula E são totalmente elétricos – permitindo que o esporte ocorra no coração das cidades, em vez de um circuito de corrida a motor tradicional.

É uma modalidade jovem a Fórmula E. A corrida testa limites e aproxima os fãs da ação. Possui elementos interativos como o FANBOOST – que permite que os fãs votem pelo seu piloto favorito nas redes sociais, com o vencedor recebendo um impulso durante a corrida. Os fins de semana de corrida da Fórmula E também apresentam uma corrida eletrônica, o que permite que os fãs se testem contra o tempo dos pilotos em um simulador.

Como posso assistir?

Você pode assistir corridas de Fórmula E na Fox Sports ou assistir os destaques online no YouTube da Fórmula E. Flashs também estarão disponíveis no Twitter Fórmula E.

5-PL1_3786-copy-1068x711

2016/2017 FIA Formula E Championship.

Round 12 – Montreal ePrix, Canada

Sunday 30 July 2017.

Lucas Di Grassi (BRA), ABT Schaeffler Audi Sport, Spark-Abt Sportsline, ABT Schaeffler FE02, sprays the champagne on the podium.

Photo: Patrik Lundin/LAT/Formula E

ref: Digital Image PL1_3786 copy


 Fonte – Site Onboard Sports