Weber Shimano Ladies Power encerra temporada norte-americana no Tour da Filadélfia

4
241
Equipe Weber Shimano Ladies Power Foto:Divulgação
Equipe Weber Shimano Ladies Power Foto:Divulgação

 

São Paulo  – Ciclismo de estrada, triatlo off-road e mountain bike. A Shimano estará representada nas três modalidades neste fim de semana, em provas no Brasil e no exterior. Nos Estados Unidos, a Weber Shimano Ladies Power disputa a quinta e última competição de sua temporada norte-americana no domingo (5), o Tour da Filadélfia. Já no Brasil, os atletas do Shimano Sports Team estarão no Desafio Audax de MTB, em Vinhedo (SP), Taça Sense de MTB, em Manaus (AM), Campeonato Zona Sul de MTB Maratona, em Pelotas (RS), e o XTerra, em Paraty (RJ).

 


Na cidade de Filadélfia, na Pensilvânia, o quinteto da Weber Shimano Ladies Power, formado pela brasileira Luciene Ferreira, as colombianas Jessenia Meneses e Rocío Parrado, e as argentinas Caterin Previley e Mercedes Fadiga, terá pela frente na tarde do domingo 118,7 km, com largada feminina às 13h30 (horário de Brasília). “Como todas as competições neste período aqui nos EUA, a Philadelphia International Cycling Classic será mais uma prova muito dura e com uma subida de quase 1 km de 17% de inclinação. Além disso, destaco o nível das adversárias, que são muito fortes e fazem parte também do World Tour feminino”, destaca Luciene Ferreira.

“É uma experiência riquíssima que venho adquirindo ao longo de todo esse caminho com disputas distintas de longa duração e ritmo elevado o tempo todo. Não há tempo nem para respirar quase, de tão rápido que se anda. Por isso, espero sair daqui e evoluir mais e mais para seguir buscando grandes conquistas com toda essa experiência adquirida”, avalia a brasileira. “Estou aproveitando todos os momentos dessa grande oportunidade que me foi dada, aprendendo cada vez mais a tirar o que o ciclismo a nível mundial pode dar”, conclui a ciclista de Coxim (MS).

A temporada nos Estados Unidos teve início para o quinteto da Weber Shimano Ladies Power com a disputa da Joe Martin Stage Race, entre 21 e 24 de abril, em Fayetteville, no Arkansas. O Tour of the Gila, entre 4 a 8 de maio, e o Tour da Califórnia, de 19 a 22 de maio, foram as competições seguintes, e a Winston Salem Stage Race, nos dias 29 e 30 do mesmo mês, foi a quarta das cinco provas disputadas. “Esta é a primeira vez na carreira que participo de competições de tão alto nível por várias semanas seguidas”, conta Luciene.

pedal

Desafio Audax – Válido para o ranking brasileiro de XCO (Cross Country Olímpico), o Desafio Audax de MTB será realizado no domingo (5), em Vinhedo, com a presença confirmada de quatro atletas do Shimano Sports Team: José Gabriel Marques (Audax/Shimano), Luiz Renato Borges (Oggi/Isapa/Shimano) e Guilherme Saad e Daniel Grossi (ambos Groove/Shiano). O circuito denominado Represa II é composto por um traçado técnico, com single tracks (60%) e estradas de chão batido (40%).

“O Desafio Audax reunirá fortes atletas da elite brasileira, pela pontuação ofertada no ranking da CBC (Confederação Brasileira de Ciclismo). Estou bem confiante e preparado, tanto fisicamente como mentalmente. A pista consegue ser divertida e desafiadora, porque vem chovendo esses dias em Vinhedo. Será uma prova dura, mas tentarei traçar uma estratégia para não me desgastar nas primeiras voltas e assim não me prejudicar na metade final, buscando um bom resultado, tanto no sub-23 quanto na elite”, destaca Zé Gabriel Marques.

Taça Sense – Manaus receberá na manhã deste domingo a primeira edição da Taça Sense de MTB, evento comemorativo em um circuito de 3,5 km trechos técnicos, dual-line’s (percurso com um caminho difícil e outro mais fácil, porém, mais longo), subidas e descidas desafiadoras e partes extremamente rápidas. O trio formado por Isabella Lacerda, Guilherme Muller e Mario Couto, os três da LM/Sense de MTB, está entre os favoritos ao título em suas categorias.

Campeonato Zona Sul – Atleta mais nova do Shimano Sports Team, a gaúcha Bruna Elias (Specialized Racing BR), de 16 anos, disputa no domingo o Campeonato Zona Sul de MTB Maratona, em Pelotas. Bruna terá em sua categoria, a feminina, apenas uma volta no circuito de 20 km, com elevação acumulada de aproximadamente 500 metros.

XTerra – O Shimano Sports Team estará representado em duas das disputas do XTerra Paraty, neste fim de semana. No sábado (4), às 8h, será realizado o triatlo off-road, com a presença da campineira Sabrina Gobbo (Trek/Shimano/Pearl Izumi), uma das favoritas ao título. Ela terá pela frente 1,5 km de natação, 29,5 km de mountain bike e 6,3 de corrida de montanha. “Sair bem da água é fundamental para conseguir um bom resultado. Quem sai atrás sofre mais para buscar as adversárias no mountain bike e depois na corrida. Os organizadores alteraram o percurso em relação ao ano passado, o que me prejudica, mas como choveu muito esses dias e está com muita lama será bom para mim, porque me dou bem em circuitos técnicos”, analisa Sabrina.

No domingo, às 8h30, Sabrina volta a competir, desta vez a MTB Cup, com 40,5 km e 1.227 metros de ascensão, e terá entre as adversárias a paulista Sofia Subtil (Audax/Shimano). A prova do MTB terá sua definição a partir do Km 20, com uma serra de mais de 300 metros de elevação. “Para mim o MTB é um treinamento e a possibilidade de ficar entre as três primeiras e ganhar uma premiação considerável”, conta Sabrina. “Nunca corri o XTerra em Paraty e não conheço minhas adversárias. Mesmo sem divulgarem a lista de inscritos, sei que o nível será alto. Vou buscar a melhor colocação possível, de preferência no pódio”, relata Sofia Subtil.

Suporte Neutro na Copa do Mundo de DH – Líder mundial no mercado de componentes para a prática do ciclismo, a Shimano estará oferecendo seu Serviço de Suporte Neutro em mais uma importante prova internacional, a Copa do Mundo de MTB. Neste sábado e domingo, a cidade de Fort William, na Escócia, receberá etapa da competição de Downhill (DH), com transmissão ao vivo do portal www.redbull.com.br/bike a partir das 10h30 (horário de Brasília. O Suporte Neutro está presente nas principais competições de ciclismo realizadas nesta temporada, no Brasil e no exterior, oferecendo auxílio aos ciclistas antes e durante as provas, independentemente dos produtos que estes usem em suas bicicletas.

Sobre a Shimano – Empresa líder de mercado em componentes e acessórios para bicicleta e pesca, a Shimano foi criada em 1921 e possui sede em Sakai, no Japão. O escritório da Shimano Latin America (SLA) foi fundado em 2007.

A Shimano desenvolveu as exclusivas tecnologias STI (Shimano Total Integration – alavanca de marchas e freio integrados), SPD (Shimano Pedaling Dynamics – para sapatilhas e pedais) e SIS (Shimano IndexSystem), reconhecidos e referência no mundo todo. Possui entre suas marcas nomes que são sinônimos de qualidade e performance no universo ciclístico: XTR, Dura Ace, Ultegra, DI2.



 

*EDIÇÃO DA REDAÇÃO/ EDITORIAL EDITION
*Edição – Adilson Pacheco
MTB: 0002362/SC
E-mail: adilsonpachecoredacao@gmail.com.br
Facebook: https://www.facebook.com/adilson.pacheco.75
Facebook: https://www.facebook.com/Regata-News-698702346874230/?fref=ts
Issuu: https://issuu.com/regatanew_sc
http://www.dailymotion.com/adilson-pacheco1
Linkedin: https://br.linkedin.com/in/adilson-pacheco-6337a24a

 

4 COMENTÁRIOS

  1. As an attorney, sometimes one of the most difficult points for me to get across to nonlawyers (and lawyers who are ignorant of basic constitutional law principles) is that there is a distinction between what is proper or legal pursuant to the rule of law, versus what is politically correct or popular. The Equal Protection Clause of the 14th Amendment to the U.S. Constitution is a case in point. It provides that no state shall “deny to any person within its jurisdiction the equal protection of the laws.” When someone is a member of a protected group, or of a suspect classification which has been historically discriminated against, or if a fundamental constitutional or inalienable right is involved where it is claimed that access to the right (like marriage) is being denied, then the government must demonstrate a “compelling state interest” that the needs of the state outweigh the rights of the individual if the law, regulation, policy, practice, custom, or procedure is going to pass constitutional scrutiny. This is a very high standard, which the government, in only the most extreme cases is able to meet. Even if a fundamental right or a suspect class is not involved, the state’s purpose in promoting denial of equal protection must still be “rational.”
    cartier trinity bracelet replica http://www.islovebracelets.com/

Comments are closed.