Etapa brasileira do Circuito Mundial de Bodyboarding, ArcelorMittal Wahine em Serra (ES), é eleita melhor do ano

0
81

O resultado foi divulgado neste mês de dezembro. Evento recebeu muitos elogios e, em 2024, volta à praia de Jacaraípe para a terceira edição, entre os dias 18 e 27 de abril

O bodyboard do Brasil encerra 2023 com muita comemoração. A etapa brasileira do Circuito Mundial de Bodyboard Feminino, o ArcelorMittal Wahine Bodyboarding Pro, foi eleita a melhor do ano pela International Bodyboarding Corporation (IBC), entre as nove realizadas na temporada. As disputas foram na praia de Jacaraípe, em Serra, Espírito Santo. Um evento que ficará na história e que já tem data para ser realizado em 2024: de 18 a 27 de abril, em sua terceira edição.

O resultado foi divulgado neste mês de dezembro, após avaliação das várias etapas do IBC World Tour of Bodyboarding de 2023. O evento no  Brasil recebeu muitos elogios da IBC, pelo alto nível da competição e dos atletas, proporcionando uma experiência única para os participantes e para o público.

A IBC destacou a etapa como um todo – que superou os altos padrões estabelecidos -, assim como o retorno positivo dos atletas e da comunidade do bodyboard em geral, refletindo o sucesso do ArcelorMittal Wahine Bobyboard Pro 2023.

“É uma felicidade muito grande receber esse prêmio, um reconhecimento ao trabalho de todos os envolvidos na etapa brasileira do Circuito. O prêmio é de todos os capixabas e dos nossos patrocinadores, que sempre apoiaram o evento. Agora, fica a expectativa para 2024, que já estamos preparando, e virá com muitas novidades”, destaca Neymara Carvalho, pentacampeã mundial de bobydboard e organizadora do evento.

Serra, capital mundial do bodyboarding feminino – A segunda edição do ArcelorMittal Wahine Bodyboarding Pro levou o melhor do esporte  para o Espírito Santo em 2023. E Serra se consolidou como a capital da modalidade no Brasil. Com a presença de quase 100 atletas de dez países diferentes, a competição foi dividida em cinco categorias: Pro Junior, Profissional, e Master Woman – válidas pelo título mundial -, além de Open (Amador) e PCD (mastectomizadas e amputadas) – voltadas para inclusão e fomento.

Foram baterias emocionantes, ondas inesquecíveis e muita comemoração dos campeões. Paralelamente às competições, o evento teve passeio por pontos turísticos, música, cultura e muitas atrações.

As atletas PCD fizeram história pelo segundo ano consecutivo, agora competindo pela primeira vez por uma premiação em dinheiro. E mães e filhas puderam estar juntas em uma bateria que promoveu a união e empoderamento feminino. A categoria foi criada especialmente para dar visibilidade para atletas que conciliam o esporte e a maternidade.

Destaque, também, para a participação da Dra. Hermínia Maria Silveira Azoury, juíza de Direito titular da Coordenadoria Estadual da Mulher em Situação de Violência Doméstica e Familiar do TJES. Ela esteve na abertura da edição 2023 do evento, fazendo uma reflexão sobre os vários tipos de violência contra a mulher, tanto que o campeonato usou a “#Respeito no Mar”, como forma de apoiar o combate a qualquer forma de violência.

O ArcelorMittal Wahine Bodyboarding Pro O projeto idealizado por Neymara surgiu em 2021. “Wahine”, que significa mulher na língua havaiana, evidencia o resgate da conexão com os povos indígenas das ilhas do Havaí e inspira o evento. Foi em águas havaianas que a atleta venceu uma das mais acirradas disputas do Mundial, na Praia de Pipeline, sendo campeã em 2006 e 2011.

O Wahine Bodyboarding Pro 2024 tem patrocínio máster da ArcelorMittal, do Governo do Estado do Espírito Santo por meio da Lei de Incentivo ao Esporte Capixaba, e da Prefeitura Municipal da Serra. Realização do Instituto Neymara Carvalho e da IBC.

Confira as campeãs do ArcelorMittal Wahine Bodyboarding Pro 2023
Profissional: Sari Ohara (Japão)
Pro Junior: Aarya Tabalno (Havaí)
Master Woman: Mariana Nogueira (Brasil)
Open (Amador): Aline Martins (Brasil)
PCD 1: Carla Cunha (Brasil)
PCD 2: Cintya Belly (Brasil)

Mais informações:
Instagram : @wahinebbpro

Foto: Wahine Bodyboarding Pro / Divulgação