Pesca e Companhia Trade Show termina 2023 com sucesso de público e negócios

0
139

A 15ª edição do Pesca & Companhia Trade Show terminou neste sábado (25), no Pro Magno Centro de Eventos, em São Paulo (SP). Durante os três dias, a feira recebeu cerca de 20 mil visitantes entre comerciantes, lojistas e fãs de esportes outdoor de diferentes cantos do Brasil. 

Os principais players da cadeia produtiva de pesca, tiro esportivo, náutica, turismo e serviços mostraram suas novidades para a temporada 2023/2024 nos 100 estandes no complexo.

A organização do Trade Show confirmou que o volume de negócios superou a meta de R$ 350 milhões inicial, atingindo no total mais de R$ 400 milhões movimentados em negócios. Entre expositores, público e organização, a impressão unânime de sucesso absoluto ficou como saldo final.

A edição 2024 já está confirmada para o mês de março, novamente no Pro Magno, na capital paulista. As datas ainda serão anunciadas. 

”Esse ano superamos todas as expectativas! Tivemos 15% mais negócios em relação ao ano passado. O público aproveitou a nossa primeira feira sem nenhuma influência da pandemia que passou, com muitos lançamentos no segmento. Com o resultado final positivo, já estamos com a edição de 2024 garantida, aqui mesmo em São Paulo, em março”, celebra Marcelo Claro, CEO do Pesca & Companhia Trade Show.

Os principais players da cadeia produtiva da pesca, náutica, turismo e serviços voltados para o setor marcam presença mais uma vez, com mais de 100 expositores e 1 mil marcas com o que há de mais moderno no mercado e lançamentos exclusivos promovidos no evento.

A Nautika Lazer, por exemplo, apostou em um portfólio completo para o evento, com produtos de pesca, camping, tiro esportivo e cutelaria entre os itens expostos no estande da marca. Guilherme Braziel, da área de marketing da Nautika, conta que a empresa sai com um balanço positivo do evento.

”Contamos com 18 marcas e mais de 3,5 mil produtos em nosso portfólio. A feira supriu todas as nossas expectativas, tivemos muito movimento tanto de lojistas quanto de consumidores finais. Para o grupo Nautika, foi uma forma de apresentar os nossos rebranding e planejamentos futuros para o público. Esperamos voltar em 2024, foi uma participação muito positiva para a gente!”, afirma Braziel.  

Turismo e pesca esportiva: uma combinação que dá resultados

O turismo também foi um segmento que conseguiu aquecer o seu mercado na feira, com a divulgação de destinos brasileiros para a prática da pesca esportiva por parte de municípios e secretarias estaduais. O evento contou ainda com o I Fórum Nacional do Turismo da Pesca, que trouxe debates importantes para a área.

Os espaços turísticos funcionaram como verdadeiras embaixadas de cada região, dando a oportunidade a operadores e empresários locais de apresentar seus produtos e destinos aos visitantes da exposição, bem como outros players no chamado B2B.

”Ficamos muito felizes em participar mais uma vez desse grande evento de pesca. Trouxemos novidades e mostramos que o nosso estado tem muito peixe para os pescadores do Brasil visitarem e desfrutarem do melhor que Mato Grosso do Sul pode oferecer”, afirma Rogério Chelotti, da FUNDTUR-MS.

”Conseguimos trazer várias cidades representando o nosso estado e mostramos como a pesca esportiva é importante para a região. Gostamos muito do Trade Show, a feira arrasou, tivemos contatos com várias marcas, os turistas gostaram demais do que viram. Acredito que a tendência é esse mercado aumentar cada vez mais. Com certeza estaremos juntos novamente em 2024”, conta Valdelice Gomes, representante do estande da Goiás Turismo.

Tiro esportivo traz principais marcas do segmento

Outro setor que se destacou no evento foi o do tiro esportivo. Grandes marcas da área, como a Rossi, a FXR e a QGK trouxeram o que há de mais moderno na modalidade.

”A feira já é muito tradicional no segmento do tiro, por isso sempre estamos presentes. Mais uma vez, cumprimos nossas metas e expectativas. Trouxemos vários produtos novos e lançamentos, com um público melhor do que o ano passado, então a nossa participação foi muito positiva”, diz Eduardo Rossi, representante da Rossi no evento.

”Trouxemos para a feira nossa linha de carabinas de pressão e o catálogo de armas de fogo. A nossa participação foi muito legal, tivemos a visita de novos lojistas e parceiros antigos. É uma experiência que a gente sabia que ia dar certo. Estamos muito felizes com o resultado!”, analisa Douglas Ludwig, da FXR.

Autoridades prestigiam maior feira do segmento da América Latina

Além das principais empresas de esportes outdoor, a feira contou com a presença ilustre de autoridades como o Ministro da Pesca, André de Paula, o Secretário Nacional da Pesca, Expedito Netto, o Secretário de Turismo de São Paulo, Roberto Lucena e o Governador de Goiás, Ronaldo Caiado.

”Estamos trabalhando em um conjunto de ações para fazer a diferença, estabelecer parcerias e permitir que eventos como esse sejam realizados para promover esse esporte, que movimenta nossa economia e nosso turismo. Acreditamos muito no potencial da área”, afirmou o Ministro da Pesca, André de Paula, durante o lançamento da feira.

Estiveram presentes ainda nomes de peso da pesca esportiva, como os pescadores profissionais e multicampeões Nelson Nakamura, Johnny Hoffmann e Eduardo Macedo, que divulgaram marcas parceiras e fizeram a alegria dos fãs presentes.

Sobre a Pesca & Companhia Trade Show

O Pesca & Companhia Trade Show nasceu em 2007 para atender as necessidades do segmento: um evento voltado para o mercado profissional de pesca em que fabricantes, importadores, operadores de turismo pudessem negociar frente a frente com o mercado varejista.

É a maior feira de equipamentos e turismo de pesca, camping, tiro esportivo e cutelaria da América Latina. Participam do evento expositores, fabricantes e importadores oficiais das principais marcas mundiais do segmento.

Foto: @OnboardSports360