Conheça os vinhos com sabor de verão da Wine To You

0
151

A dona importadora Wine To You indica as melhores opções para aproveitar a estação que eu mais gosto do ano e nada melhor que um drink chic e refrescante não é mesmo? Os caras tem tudo, seja vinhos brancos, rosés e espumantes 

O verão chegou e nada melhor para recebê-lo do que com uma seleção de vinhos frescos e saborosos para aproveitar a estação. Para quem planeja aproveitar a estação em grande estilo, a importadora de vinhos Wine To You elege seis opções para quem planeja aproveitar a estação em grande estilo. São vinhos brancos e rosés perfeitos para bebericar em um passeio de barco com amigos, na beira da piscina, em um jantar romântico ou até mesmo curtindo sozinho a tranquilidade de uma casa de veraneio.

A seleção é para todos os gostos. Para quem gosta de história, a dica é o Toques et Clochers Castelreng 2017. Para quem não desapega do Mediterrâneo, La Grand Couronne Brut. Nossa indicação de rosé é para os clássicos: Mon Rosé de Provence. Para os ousados que gostam de brilhar, a dica é o Champagne Delacoste Aoc Brut Épernay. E, para quem adora um charme, o Rosé Piscine. E, para os irreverentes: Knock Knock Branco. Confira mais sobre cada rótulo: 

  1. Para quem gosta de história: Toques et Clochers Castelreng 2017

Rótulo surpreendente de chardonnay, o Toques et Clochers Castelreng 2017 é uma opção cuja frescura e caráter descontraído fazem dele uma excelente escolha para celebrações em dias quentes. É indicado para harmonizar com pratos de lula, caranguejo e massas ao vôngole. Ideal também para servir com saladas também, o vinho chama bastante a atenção, sendo uma excelente pedida para apresentar para aquele amigo que adora ouvir e contar histórias.

Esse chardonnay foi produzido na região de Limoux, em Languedoc, no Sudoeste da França. Historiadores acreditam que o primeiro vinho espumante do mundo foi produzido nessa região, em 1531, pelos monges da abadia de Saint-Hilaire. Os rótulos Toques et Clochers provêm de quatro terroirs (Autan, Océanic, Méditerranéen e Haut Valée) e em cada um deles o Chardonnay se expressa de um modo distinto. O Toques et Clochers Castelreng 2017 é produzido pela cooperativa de produtores de vinho Sieur d’Arques.

2. Para os Mediterrâneo-lovers: La Grand Couronne Brut

O espumante La Grande Couronne Brut é produzido pela Maison Rivarose, na cidade de Salon de Provence, na França. No coração do Mediterrâneo, Rivarose é o mais antigo e importante produtor de vinhos espumantes da região. A casa clássica foi criada em 1909 e hoje comercializa seus rótulos em todo o mundo. Seu produto homônimo (Rivarose) é um verdadeiro embaixador dos espumantes franceses.

La Grand Couronne Brut é elaborado com uvas do Mediterrâneo, possui um grau de autenticidade único. Viticultores, técnicos e enólogos dedicaram-se a produzir um espumante de grande qualidade, com aromas florais e de frutas brancas. Tem um paladar fresco e aromático, perfeito para combinar com aperitivos, canapés, salmão, camarão e mariscos.

3. Para os clássicos: Mon Rosé de Provence – IGP Provence

Seu visual rosa-claro não engana: Mon Rosé de Provence é um vinho clássico de Provença. O blend das castas Grenache e Syrah oferece o aroma misto de frutas brancas e tropicais. Na boca, provoca um sabor fresco, leve e com boa persistência e mineralidade. Ideal para servir com carnes brancas e pratos de cozinha mediterrânea e asiática.

O vinhedo fica no Sudeste da França, na região de Provence. O terroir do Mon Rosé de Provence se beneficia de um clima mediterrâneo provençal, e seu solo é bastante complexo com calcário, xisto, granito, arenito, marga e areias aluviais. “A produção se concentra no vale do rio Durance. A produção é feita em uma propriedade familiar, a Domaine du Père Guillot, estabelecida em 1968, onde a bebida é feita por lá, desde o cultivo das uvas até o engarrafamento”, explica Sandro Martins, gerente comercial da Wine To You.

4. Para quem quer brilhar: Champagne Delacoste Aoc Brut Épernay

Com sabor intenso e visual de ouro brilhante, o Champagne Delacoste Aoc Brut Épernay é elaborado no coração de Champagne, pela tradicional Maison Burtin, em Epernay, na França. Sua Denominação de Origem Controlada (DOC) confirma sua procedência e garante que foi produzido de acordo com as leis locais e controle rigoroso – é a mais alta categoria de vinhos franceses.

Seu aroma é de frutas maduras, com notas tostadas no final. A força da uva pinot marca presença na intensidade, com final fresco e longo. Harmoniza com canapés, saladas, crustáceos e tartar de atum.

Segundo Martins, o  Champagne Delacoste Aoc Brut Épernay faz parte do grupo BCC-Lanson, que combina oito Maisons produtores de vinhos champagne. “A combinação de know-how ancestral, capacidades técnicas modernas e independência criativa permite que cada uma de suas Maisons desenvolva seus rótulos, garantindo qualidade e intensidade. Fazem parte do grupo rótulos como Alfred Rothschild, líder nos supermercados franceses, e o Besserat de Bellefon, champagne oficial da regata Velas de Saint Tropez”, destaca o gerente da Wine To You.

 5. Para os charmosos: Rosé Piscine

A combinação entre a garrafa listrada de branco e azul (que remete ao mar) e o visual de rosa salmão indescritível do Rosé Piscine dão o charme: a bebida é a cara dos ritmos e dos estilos de vida da badalada Saint-Tropez, na França. O vinho tem aroma frutado com toques de pêssego branco e notas florais de rosa. Tem ataque fresco com uma boca redonda e macia, combinado um final exótico com notas de lichia. Vai bem com aperitivos, frutos do mar, sushi, quiches e saladas.

Tudo começou com Jacques Tranier, o presidente da Vinovalie, um grupo de produtores do Sudoeste francês, que estava de férias na Côte d’Azur, quando notou que, no bar, o garçom servia vinho rosé em taças de conhaque com gelo, principalmente para mulheres. Curioso, pediu uma taça e gostou da refrescância do gelo, mas, por outro, ficava aguado, diluído e sem sabor. Assim, desenvolveu o Rosé Piscine na combinação certa para ter equilíbrio ao ser servido com gelo. Tem mais verão que isso?

 6. Para os irreverentes: Knock Knock Branco

Para finalizar, um queridinho espanhol, diretamente de Utiel-Requena, no Sudoeste de Valência, na Espanha. O blend de Viura com Sauvignon Blanc do Knock Knock tem um visual amarelo brilhante. No nariz, revela notas de lima e maçã verde. Ideal para quem gosta de vinhos frescos e frutados que possam harmonizar com peixes carnudos, mariscos e queijos cremosos.

É uma dica para os irreverentes, porque reza a lenda que, no Palácio Torre Oria, rodeado de vinhas com mais de 125 anos, há um lobo que vagueia pelos terrenos. Nas noites de lua cheia, você pode ouvi-lo uivar e vir bater à sua porta fazendo o som de ‘knok knok’.

 

*fotos das garrafas são ilustrativas.