Barcos da The Ocean Race Europa deixam Cascais com destino a Alicante

0
29

A segunda etapa da The Ocean Race teve início na manhã deste domingo em Cascais, Portugal, com destino a Alicante, na Espanha.

Os 12 veleiros – 5 da IMOCA e 7 da VO65 – terão 700 milhas náuticas ou 1.296 quilômetros pela frente.

Apesar de um trecho relativamente curto, os veleiros já enfrentam as dificuldades normais nas pernas do Velho Continente como a passagem pelo estreito de Gibraltar.

O percurso para a segunda etapa mostra a flotilha passando por Lisboa, e depois para o sul, até o Cabo de São Vicente, o ponto mais a sudoeste de Portugal e da Europa.

Lá o 11th Hour Racing teve problemas e perdeu contato com aos demais veleiros.

O maior desafio é passar pelo sudeste em direção ao Estreito de Gibraltar – a via navegável estreita e altamente congestionada que separa a Península Ibérica de Marrocos na África e marca a entrada para o Mar Mediterrâneo.

As condições no Estreito de Gibraltar devem ser difíceis, com ventos contrários chegando a 40 nós na segunda-feira (7).

Na atualização da noite deste domingo, o Mirpuri Fundation estava na liderança entre os VO65 e o linkedOut entre os IMOCAs 60.

”O vento começa a aumentar muito no Estreito de Gibraltar”, disse o famoso velejador francês Sébastien Josse, que está a bordo do IMOCA 60 CORUM L’Épargne (FRA).

Lembrando que as 12 tripulações do Ocean Race Europe são compostas por velejadores europeus da Áustria, Bélgica, Dinamarca, França, Alemanha, Grã-Bretanha, Itália, Lituânia, Holanda, Noruega, Polônia, Eslováquia, Espanha e Suécia, bem como internacionais da Austrália, Argentina, Brasil, Canadá, México, Nova Zelândia, África do Sul e Estados Unidos.

O brasileiro na disputa é Joca Signorini no time polonês.

A primeira etapa entre Lorient, na França, e Cascais, em Portugal, teve como vencedores CORUM L’Épargne na IMOCA e The Austrian Project da VO65.

Veja o tracker aqui — https://www.theoceanrace.com/en/europe/racing/tracker

Classificação geral — https://www.theoceanrace.com/en/europe/scoreboard

Texto: Flávio Perez