Empresas que ”monitoram” ventos ganham espaço

0
46

Algumas empresas de monitoramento de ventos já estão no mercado ajudando velejadores e amantes de atividades náuticas no dia-a-dia.

No litoral norte de São Paulo, por exemplo, a cobertura é cada vez maior.

Empresas como a MuitoBonsVentos estão aumentando sua capacidade na região e também ampliando para o Rio de Janeiro.

O objetivo da startup é ter 100 pontos em represas, lagoas, rios e costa brasileira até o final de 2021.

Os próximos passos são a instalação de novos equipamentos em Angra dos Reis, Barra da Tijuca, Marina da Barra e na Baia de Guanabara, locais onde a startup está solicitando autorizações e verificando a viabilidade da prestação do serviço.

A nova versão do software de monitoramento cita as previsões embargadas, que informam de forma clara a tendência dos ventos para as próximas horas junto com o histórico acumulado no acervo da aplicação, o que pode ajudar bastante no planejamento das atividades.

A MuitoBonsVentos espera até final de 2021 ter instalados 100 pontos de monitoramento, aumentando seu campo de abrangência em águas brasileiras.

Hoje o serviço por aplicativo ou via web oferece aos usuários/apoiadores um amplo monitoramento no Canal de São Sebastião, litoral norte de São Paulo, uma das mais importantes áreas de vela e atividades náuticas do Brasil.

O serviço contempla as leituras minuto a minuto de estações com resolução de 0.25 nós e 1 (grau) na direção, processados e
exibidos de forma clara, completa e intuitiva na plataforma gráfica MuitoBonsVentos.

Das cinco estações instaladas é possível ter informações em tempo real de visor de vento online, marés, previsão do tempo. Ainda é possível ter dados das últimas 48 horas das estações meteorológicas com informações de temperatura, pressão, e umidade.