Itajaí e Governo de Santa Catarina firmam parceira para manter a The Ocean Race no município

0
647

 

Itaja e Governo de Santa Catarina firmam parceira para manter a The Ocean Race no município.-Imagem _Marcelo Roggia

Itajai à caminho da quarta edição da parada brasileira da Ocean Race, a  Capital Catarinense da Náutica já recebeu três edições. Buscando recursos, o Município de Itajaí e o Governo de Santa Catarina firmaram parceria para manter na cidade na The Ocean Race, antiga Volvo Ocean Race. O acordo foi definido em reunião quinta-feira (16) entre o prefeito Volnei Morastoni e o governador Carlos Moisés, em Florianópolis. A proposta oficial referente à taxa base para sediar o evento foi  encaminhada para a organização da regata na Espanha na sexta-feira (17).

 

Itajaí concorre com outras três cidades para sediar pela quarta vez a maior regata de volta ao mundo, São Sebastião, Salvador – Bahia, e a cidade de Punta del Este – no Uruguai.

A estrutura, experiência e excelência na realização do evento, além do engajamento da comunidade e visitantes, rede hoteleira e aprovação de atletas, equipes e organização estão a favor do município catarinense na disputa.

O anúncio oficial das cidades sedes da regata será no dia 28 de junho. A organização vai analisar as propostas das cidades concorrentes levando em conta diversos critérios, inclusive aspectos técnicos.

 

 

“Somos fortes candidatos, pois temos três edições anteriores de sucesso e muito bem avaliadas pelos participantes e organização. Além da experiência acumulada, o acolhimento do povo e a maneira festiva com que Santa Catarina recebe o evento contam muitos pontos”, destaca o prefeito de Itajaí, Volnei Morastoni.

Caso Itajaí seja escolhida novamente, será sede da The Ocean Race possivelmente em abril de 2022, se consolidando ainda mais como polo náutico do país e no receptivo de grandes eventos esportivos. O secretário de Turismo e Eventos de Itajaí, Evandro Neiva, comenta que a reunião com o Governo do Estado foi muito positiva, pois o governador já estava convencido sobre a importância do evento para Itajaí e Santa Catarina.

“Hoje trouxemos as informações sobre a proposta financeira e ao final o governador assinou a proposta. Estamos bastante confiantes com essa parceria financeira e institucional, porque se formos escolhidos o Estado quer participar mais dessa movimentação”, relata o secretário.

Com o apoio, a parada passaria a se chamar Santa Catarina Stopover, uma grande parceria entre Itajaí e o Governo do Estado.

“O Governo do Estado será parceiro de Itajaí nesta proposta para mantermos esse evento mundial, que atrai os olhares para Santa Catarina e Itajaí, trazendo investimentos, parcerias e movimentação turística e econômica. Essa parceria é extremamente importante para o nosso Estado crescer, se desenvolver e ser reconhecido mundialmente”, afirma o governador do Estado, Carlos Moisés.