Semana Internacional de Vela de Ilhabela com impacto zero

0
56
Principal regata da América do Sul lança programa para preservar meio ambiente/imagem:JúlioCardoso/RN

 

 

 

 

 

 

Principal regata da América do Sul lança programa para preservar meio ambiente.A Semana Internacional de Vela de Ilhabela segue a tendência das grandes competições esportivas mundiais e adotará para a edição 2019 a política do ‘impacto zero’.

O evento, marcado para o período de 13 a 20 de julho, será 100% sustentável! Uma das mudanças já aplicadas pelo Yacht Club de Ilhabela (YCI) é a não utilização dos canudos de plástico e produtos descartáveis, como os copos.

Os resultados das regatas não serão impressos e todos os comunicados serão enviados aos velejadores por meio de aplicativo de mensagem ou e-mail. Os adesivos dos barcos serão produzidos com materiais biodegradáveis.

A modalidade vela também contribui para a limpeza dos oceanos por não usar combustível em suas provas.

”Um evento esportivo no mar é fundamental que seja de impacto zero, 100% sustentável. O velejador já tem essa mentalidade. Já temos tanta coisa negativa, como lixo e poluição no mar e este evento tem que ser um exemplo positivo e educativo. Ele tem que ajudar a melhorar este quadro”, disse Julio Cardoso, diretor de meio ambiente do YCI e da Semana Internacional de Vela de Ilhabela.

”O esporte é exemplo para as crianças, jovens, todos nós. Eles tem que mostrar que esse princípio de sustentabilidade é viável e necessário. É uma tendência mundial”.

A organização da Semana Internacional de Vela de Ilhabela promoverá ações de limpeza das praias e também expedições de observação de baleias e golfinhos.

Nos últimos três anos, as baleias jubartes estavam presentes na raia na regata oceânica de Alcatrazes e este ano, segundo Julio Cardoso, é possível que venham mais cedo e estejam em Ilhabela neste período.

”Esperamos que muitas delas estejam por aqui durante as regatas e todos possam observá-las”.

Desde 2016, Julio Cardoso coordena o registro das baleias que passam pelo percurso das provas. As jubartes, por exemplo, foram vistas e fotografadas por muitos velejadores nas últimas edições.

As baleias estão em migração do sul para Abrolhos (BA) visando reprodução. “Nos últimos anos, o número de baleias que passa por Ilhabela e São Sebastião aumentou significativamente. A caça se encerrou em 1987 e temos mais baleias procurando seu espaço e comida. Ilhabela estava fora do mapa e coincidentemente elas tem aparecido na Semana Internacional de Vela.

Em 2018, entre junho e agosto, foram 40 baleias registradas na área de regatas da Semana Internacional de Vela de Ilhabela.

Regatas – A primeira regata da Semana Internacional de Vela de Ilhabela será a tradicional Alcatrazes por Boreste Marinha do Brasil no domingo. A prova é a mais longa da competição e tem mais de 65 milhas náuticas. No mesmo dia, só que para os barcos menores, saem no mesmo horário a Ilha de Toque-Toque por Boreste e a Renato Frankenthal.

As largadas e chegadas são em frente ao píer da Vila, onde a Prefeitura de Ilhabela montará um amplo espaço com uma programação especial com atrações, palestras e workshops. Todas as premiações serão no local!

O tradicional desfile dos barcos antes da regata de abertura está confirmado!

Regatas históricas em 2018

Em 2018, a Semana de Vela de Ilhabela reuniu 120 barcos de oito categorias diferentes.

O evento foi marcado por recordes e domínio do barco gaúcho Crioula, que além dos títulos Sul-Americano, Ilhabela Cup e da própria competição (classes IRC e ORC), bateu a marca histórica da regata Alcatrazes por Boreste Marinha do Brasil.

Inscrições – Estão abertas as inscrições para a 46ª Semana Internacional de Vela de Ilhabela.

A partir desta segunda-feira (15), o sistema estará disponível por meio do site oficial do evento, o www.svilhabela.com.br

Os valores para as regatas de 2019 são os mesmos do ano passado e podem ser pagos em duas vezes, uma novidade nesta temporada. As equipes que correm nas classes RGS, Bico de Proa e Clássicos terão desconto especial de 30% nesta edição.

O Torneio por Equipes foi vencido pelo CIZ formado pelo trio San Chico(ORC) Inaê 40 (IRC) e Zeus (RGS).

Os campeões de 2018

BDP A – Tranquilo II

BDP B – Cambada 1

Clássicos – Madrugada

HPE25 Geral – Ginga

HPE25 Silver – Espetáculo

C-30 – Caiçara U.V.Line

IRC Geral – Asbar IV

IRC A – Crioula

IRC B – Asbar IV

ORC Geral – Crioula

ORC A – Crioula

ORC B – Mad Max

ORC e IRC – Crioula

RGS Geral – Rainha Empresta Capital

RGS A – Zeus

RGS B – BL3

RGS C – Rainha Empresta Capital

Multicascos – Mente Sã

Sul-Americano – Crioula

Brasileiro de C-30 – Caiçara U.V.Line