Brasil estreia na Copa do Mundo da Vela

0
100

A Seleção Brasileira de Vela estreou na SSL Gold Cup – Copa do Mundo da Vela com um segundo lugar nesta terça-feira (21), em Gran Canárias, na Espanha. O barco liderado por Robert Scheidt foi superado pela Lituânia, vencedora da prova. Em terceiro ficou o Tahiti e em quarto a Polônia. As disputas estão na fase de oitavas-de-final.

Os dois melhores de cada grupo da SSL Gold Cup avançam às quartas-de-final da competição e serão realizadas ao todo quatro regatas, sendo uma por dia e a última com pontuação dobrada. O Brasil somou 3 pontos pelo segundo lugar e a Lituânia 4.

A prova de abertura foi marcada por vento fraco e rondado, que não passou de 5 nós na direção sul da ilha espanhola. Na primeira tentativa, os brasileiros largaram bem e tinham vantagem confortável, mas a comissão cancelou.

Na segunda largada, ainda com merreca de vento como dizem os velejadores, os adversários equilibraram o jogo, e os brasileiros brigaram pelo segundo lugar contra os atletas do Tahiti, que é a maior ilha da Polinésia Francesa.

”Eu acho que foi um bom início pra gente. Na primeira, que foi anulada, a gente vinha liderando, fizemos uma boa largada, mas o vento diminuiu muito. E a segunda foi bem difícil, pois estávamos vindo um pouco de terra. Não saímos bem, mas recuperamos”, explicou Robert Scheidt.

”Foi um bom dia para nossa tripulação, porque o primeiro dia de campeonato sempre tem aquela tensão da estreia, né? Ninguém sabe muito bem o que esperar. Mas eu acho que a gente velejou o barco bem, tem sempre um pouco a evoluir a cada dia, então vamos fazer uma boa reunião hoje, tentar melhorar as coisas que a gente pode aprimorar para amanhã”.

Nesta quarta-feira (22), os quatro barcos voltam a se enfrentar no Real Club Náutico de Gran Canaria. As regatas podem ser acompanhadas no site https://www.youtube.com/@Starsailors. As disputas têm início às 9h do Brasil.

”Para uma estreia, o resultado foi bom, temos que ficar ligados lá na frente, pois só tem pedreira mesmo. Hoje conseguimos salvar um segundo lugar, importante somar pontos e ficar entre os dois primeiros”, contou Juninho de Jesus.

O time brasileiro foi escalado para a prova de abertura com Alfredo Rovere, Juninho de Jesus, Henrique Gomes, Henry Boening, Gabriel Borges, Mario Tinoco, André Fonseca, Martine Grael e Robert Scheidt. Os suplentes foram Henrique Wisni e Pedro Trouche.

A Argentina venceu sua regata do dia, deixando Hungria, EUA e Malásia – nesta ordem, para trás. O Chile não se deu bem ficando em último na prova de estreia das oitavas. A Suíça foi a vencedora. Os portugueses também ganharam a rodada de estreia.

Tabela

1º – Lituânia – 4 pontos
2º – Brasil – 3 pontos
3º – Taithi – 2 pontos
4º – Polônia – 1 ponto

Numeração

1 Alfredo Rovere
2 Juninho de Jesus
3 Henrique Gomes
4 Henry Boening
5 Gabriel Borges
6 Mario Tinoco
7 André Fonseca
8 Gabriel Kieling
9 Martine Grael
11 Pedro Trouche
10 Robert Scheidt
CEO: Bruno Prada

Com semelhança das principais Copas do Mundo em outros esportes, a SSL Gold Cup será um evento de igualdade de oportunidades com barcos SSL47. O barco brasileiro ganhou em 2022 o patrocínio da Sertrading, uma das maiores empresas de comércio exterior do país, e da Subsea 7 S.A., que apoiarão o time. Além da marca de mochilas e equipamentos para atividades outdoor Allcatrazes.

A união entre Sertrading e Subsea 7 S.A com a Seleção Brasileira de Vela foi idealizada por Bruno Prada, companheiro de Robert Scheidt nas medalhas de Pequim 2008 e Londres 2012, e CEO do barco brasileiro.