Brasileiro Ramon Dino quase supera Cbum, mas fica com a prata no Classic Physique do Mr Olympia 2023

0
151

O brasileiro Ramon Dino não conseguiu alcançar o primeiro lugar no mundo no Mr. Olympia 2023.

Uma das maiores esperanças do Brasil, o acreano ficou em segundo lugar na categoria Classic Physique.

O título foi conquistado pelo canadense Chris Bumstead, também conhecido como “Cbum”, que levou o penta.

Antes do show, o duelo era apontado como imprevisível, apesar do favoritismo do campeão Cbum.

O acreano apresentou um shape evoluído da versão anterior e por pouco não levou o campeonato pela primeira vez.

”Estou feliz pela colocação! Queria ter ganhado o primeiro lugar. Mostrei um físico novo, superei do ano passado. Vou batalhar muito mais agora para ganhar em 2024. Ano que vem quero tirar esse título do CBUM”, disse Ramon Dino, atleta da Max Titanium.

Na semana passada, no MR Olympia Brasil, um acreano assim como Ramon Dino foi campeão na mesma categoria. Foi Everson Costa.

Na divisão Wellness, a paranaense Francielle Mattos saiu vitoriosa pelo terceiro ano consecutivo, mantendo seu domínio na competição.

O Mr. Olympia é considerado o campeonato mundial de fisiculturismo e ocorreu em Orlando, Flórida, Estados Unidos.

Foto: Instagram | Ramon Dino