Santa Catarina – Flotilha do Veleiros da Ilha participa da 50ª Semana de Vela de Ilhabela

0
148
Plancton - Foto: Divulgação/ICSC-Veleiros da Ilha

 

Barcos de Santa de Catarina marcam presença na maior regata de vela da América do Sul. A grande largada é  domingo, dia 23, a 50ª Semana Internacional de Vela de Ilhabela. O maior evento náutico da América Latina contará com a presença de mais de 100 barcos em diversas classes, como HPE30, ORC, Clássicos, C30, BRA-RGS, Bico de Broa, Multicascos, HPE25 e VPRS. A flotilha do ICSC – Veleiros da Ilha será representada por cinco embarcações: Açores III (RGS), Katana Portobello (C30), Pangea Speedmax Racing, Plancton (RGS) e Zeus Team (C30).

A programação de regatas da Semana Internacional de Vela de Ilhabela  inicia com a tradicional disputa da Regata 100 anos – Atrevida por Boreste – Marinha do Brasil. A travessia tem mais de 50 milhas náuticas e contorna a icônica ilha do litoral norte paulista. Para a classe C30, a Regata Ilha de Toque-Toque por Boreste abrirá as disputas. Ao longo da semana, a organização realizará regatas de acordo com as condições de mar e vento, podendo ser no Canal de São Sebastião ou nas raias mais ao norte e ao sul da ilha.

Pangea Speedmax Racing (foto) disputam as Regatas de abertura neste domingo (23) – Foto: Matias Capizzano

Embarcações do Veleiros da Ilha:

Açores III: Comandado por Paulo Schaefer e Adalton Novo, o Açores III faz parte da flotilha do ICSC – Veleiros da Ilha na Semana de Vela de Ilhabela. O modelo Fast 360 possui uma história rica com o Clube. Ambos os comandantes são sócios do Veleiros há mais de 25 anos e possuem vasta experiência em regatas oceânicas, incluindo mais de 15 participações na Semana de Vela de Ilhabela. Eles também conquistaram títulos em regatas importantes, como Aratu-Maragogi e Refeno, e realizaram travessias notáveis, como Florianópolis – Cidade do Cabo (África do Sul) no Açores II. A tripulação do Açores III, competindo na classe RGS, inclui os comandantes, Leonardo Michel, Daniela Narciso, Celso Farias, Oswaldo Marchini e Marcia Dubiella.

Katana Portobello: Competindo na classe C30, o Katana Portobello é mais um dos representantes do ICSC – Veleiros da Ilha na maior semana náutica da América Latina. Campeão da Semana de Vela de Ilhabela, Brasileiro e do Circuito Oceânico, o veleiro comandado por Cesar Gomes Neto é tripulado por amigos que velejam juntos há muito tempo. Farão parte da tripulação nesta edição, além do Comandante, os velejadores Thiago Fett, Antonio Lacerda, Alessandro Witoslawski, Felipe Rondina, Ricardo Paranhos e Nene Oliveira.

Pangea Speedmax Racing: O barco, modelo Fast 395, é comandado por Jorge Carneiro e compete na classe RGS. A tripulação, formada por amigos, conquistou títulos importantes nos últimos anos, como o primeiro lugar na Regata Santos Rio em 2020 em sua classe, o próprio título da Semana de Vela de Ilhabela do ano passado na classe RGS A, além de terem sido vice-campeões gerais da RGS. Jorge Carneiro tem ao seu lado o tático Roberto “Bichinho” Salles, os trimmers Ricardo “Meia” Grassmann, Arsênio Almeida e Manoel Menezes, Fernando Zomer na Secretaria, Edson Neto, Daniel Thá e Fernando Almeida como proeiros, Alemão no Mastro e Carlos Alberto “Betera” Barata como videomaker.

Plancton: Competindo na classe BRA-RGS, o Plâncton é um barco de 31 pés projetado por Márcio Schaefer e construído pela Thor Yachts. Ele será comandado por Jonas Chorociejus e contará com uma tripulação composta por mais cinco velejadores talentosos: Maurity Borges, Alexandre Confucio, Michel Brito, Gisele Chorociejus e Luiz Antonio Teixeira Pinto.

 Zeus Team: Comandado por Inácio Vandresen, o Zeus Team é uma das equipes mais vitoriosas da flotilha oceânica do ICSC-Veleiros da Ilha. O veleiro da classe C30 está retornando a Ilhabela em busca do bicampeonato. Campeã em 2014, a tripulação do Zeus navega junta há mais de 10 anos e possui um amplo conhecimento da raia de competição no litoral norte paulista. Além do comandante Inácio, a tripulação catarinense, que também é campeã brasileira e do Circuito Oceânico da Ilha de Santa Catarina, será composta por Bernardo Luz, Eduardo Metz Castan, Felipe “Fipa” Linhares, Fernando Cavalli, Renan Richter e o tripulante mirim Julio Floriano, atleta do projeto social do Veleiros da Ilha.