Projeto Nadando com Thiago Pereira arrecada tampinhas de garrafa para entidade sem fins lucrativos

0
291
Foto: Cris Oliveira-Secom/PMVR

Ações sociais e sustentáveis fazem parte do projeto localizado em Volta Redonda (RJ)

No Projeto Nadando com Thiago Pereira, idealizado pelo medalhista olímpico, crianças e adolescentes têm a oportunidade de aprenderem a nadar, e contam com toda a infraestrutura e apoio técnico para a prática da modalidade, em parceria com a Prefeitura de Volta Redonda (RJ).

Um dos objetivos de Thiago é conscientizar a população sobre o afogamento, a segunda maior causa de morte acidental de crianças e adolescentes de zero a 14 anos, segundo dados do Ministério da Saúde e da Sobrasa (Sociedade Brasileira de Salvamento Aquático). Além disso, os alunos atendidos participam de iniciativas voltadas ao meio ambiente, além de ações que visam a responsabilidade social.

Uma das iniciativas foi a coleta de tampinhas de plástico feita em parceria com o recém-criado Instituto Thiago Pereira. As tampinhas foram recolhidas e entregues ao GAPC – Grupo de Apoio à Pessoa Com Câncer – que realiza esse trabalho como forma de apoio e parceria. A primeira leva de doações de tampinhas também foi revertida em uma cadeira de rodas para o Parque Aquático.

“A ação foi parte de uma campanha que realizamos com os alunos sobre a conscientização ambiental, e que tem um impacto social. Evitar o descarte indevido de tampas plásticas evita a poluição de rios e mares. Fizemos um trabalho de conscientização e sinalização com informativos e  desenhos do que levanta essa questão”, comentou Carlos Eduardo de Sá, o Caê, coordenador técnico do projeto, e um dos idealizadores da iniciativa. 

“Foi muito envolvente a participação dos alunos e familiares, despertando até mesmo a consciência de outros frequentadores do parque aquático que também nos ajudaram na arrecadação”, finalizou.

Os objetivos do projeto e do Instituto se baseiam nas ODS, os Objetivos de Desenvolvimento Sustentável estabelecidos pela ONU para 2030. Com base neles, os alunos são instigados também à práticas socioambientais de preservação do meio ambiente. Nas últimas semanas, elas fizeram o plantio de mudas e hortaliças no canteiro que fica dentro do Parque Aquático, ao lado das piscinas.  

Contemplado pela Lei Federal de Incentivo ao Esporte, o projeto Nadando com Thiago Pereira atende 280 crianças e adolescentes, desde agosto de 2022.

Sobre o Projeto Nadando com Thiago Pereira 

O Projeto Nadando com Thiago Pereira teve início em agosto de 2022 e atende crianças e adolescentes entre 7 e 17 anos de Volta Redonda (RJ), cidade em que o medalhista olímpico nasceu. Contemplado pela Lei Federal de Incentivo ao Esporte, o propósito do projeto é o aprendizado da natação, e ao mesmo tempo proporcionar mais saúde e transmitir valores importantes para as crianças.  

Um dos objetivos de Thiago é conscientizar a população sobre o afogamento, de forma a disseminar instrumentos de prevenção, como a natação. O próprio Thiago é sobrevivente de um afogamento, que sofreu aos 2 anos de idade.

A iniciativa conta com o patrocínio da Fundação CSN e da CSN – Companhia Siderúrgica Nacional, da EQI Investimentos e da Viação Urubupungá, por meio da Lei de Incentivo. Volta Redonda (RJ) conta com a principal unidade fabril da CSN, a Usina Presidente Vargas, e onde há projetos próprios da Fundação CSN, como o Garoto Cidadão. 

O projeto Nadando com Thiago Pereira conta, também, com parceria da Secretaria Municipal de Esporte e Lazer e da Prefeitura de Volta Redonda.

Mais informações podem ser confirmadas através do telefone (24) 3339-2480.

Sobre o Instituto Thiago Pereira

O esporte é um professor silencioso que permite que valores importantes sejam transmitidos enquanto estamos em um momento de descontração, facilitando a assimilação de princípios tão importantes e que, na prática esportiva, encontram uma maior predisposição a serem absorvidos.

O Instituto Thiago Pereira tem como objetivo lutar para que o Esporte seja de acesso universal, e assim construir uma sociedade mais saudável; promover os valores do esporte, para que sejam disseminados e multiplicados, ajudando a formar no presente os cidadãos do futuro; trabalhar para que a natação seja uma ferramenta disseminada e acessível para a prevenção do afogamento.