Phytoervas monta barco 100% feminino para Ubatuba Ilhabela

0
135

O barco Phytoervas será tripulado por 12 mulheres na terceira edição da Regata Ubatuba Ilhabela, agendada para o dia 9 de junho.

Sob a liderança de Renata Bellotti, a equipe está determinada a conquistar o prêmio Fita-Azul, que é concedido ao primeiro veleiro a cruzar a linha de chegada.

A tripulação é formada por mulheres experientes e com uma história na modalidade, incluindo a própria Renata, Amanda Rodrigues, Isabela Malphigi, Mila Von Beckerath, Paola Prada, Valentina Frediani, Tatiana Almeida, Nicole, Raquel Emona, Elisa Andrade, Clarice, Arwen Ray e Daniela Sanchez.

O grupo de amigas está totalmente focado na regata. O percurso longo exigirá uma ótima sincronia da equipe, que realizará um treinamento na próxima quinta-feira (8) com o treinador Juan de La Fuente.

“Em uma regata de percurso longo, tudo pode acontecer! Pode haver sol de manhã e chuva à tarde. Portanto, a primeira estratégia é monitorar a previsão do tempo e se preparar com roupas e comida adequadas. Estamos em constante diálogo, trocando informações e compartilhando ideias sobre o percurso”, explicou Renata Bellotti, velejadora do Phytoervas.

“O barco é grande e pesado, então, em um percurso longo, podemos enfrentar ventos fortes e possíveis problemas. Nessas situações, é crucial lidar da melhor maneira possível, e a escolha da equipe foi um aspecto muito importante. Todas têm o desejo de competir e vencer, mas é necessário ter cautela e segurança ao planejar diversas estratégias”, ressaltou.

A equipe também possui uma amizade com a tripulação do barco Ambipar Response, que também estará presente na regata. Marcelo Bellotti é irmão de Renata, enquanto Juan de La Fuente é marido da velejadora. Segundo Renata, todos desejam vencer, mas há um espírito de companheirismo e torcida mútua para que ambos tenham um bom desempenho.

“Somos uma equipe! Sempre velejamos juntos, no Phytoervas e também no Ambipar. Embora sejamos rivais na água, estamos conversando e compartilhando informações sobre a regata, e isso é importante. Todos torcem uns pelos outros”, afirmou.

“É muito importante apoiar e incluir as mulheres no esporte. O barco Phytoervas é tecnológico e rápido, e ter uma tripulação 100% feminina é motivo de orgulho para nossos apoiadores Phytoervas e Ambipar Response. Estou muito feliz e torcendo pela Renata e por todas as velejadoras”, concluiu Marcelo Bellotti, velejador do barco Ambipar Response.

A regata terá início no Ubatuba Iate Clube, com destino à Ponta das Canas, em Ilhabela. O desembarque das equipes ocorrerá no centro de Ilhabela.