Leal conquista mais uma medalha com a Seleção e entra para a seleção do Mundial

0
154
Foto: Sportv

Seleção Brasileira de vôlei derrotou a Eslovênia neste domingo (11) e ficou com a medalha de bronze na competição

O ponteiro Yoandy Leal, agenciado pela Pro Sports Brazil, entrou neste domingo (11) para a seleção do Campeonato Mundial de vôlei como um dos melhores de sua posição, ao lado do polonês Semeniuk.

A seleção brasileira masculina conquistou a medalha de bronze após derrotar a Eslovênia por 3 sets a 1 (25/18, 25/18, 22/25 e 25/18), na Arena Spodek, em Katowice (POL). No jogo, Leal marcou 19 pontos, sendo o segundo maior pontuador brasileiro na partida. O título da competição ficou com a Itália, que venceu a Polônia na final por 3 sets a 1.

Considerado um dos melhores ponteiros do mundo na atualidade, o cubano naturalizado brasileiro marcou 125 pontos ao longo do torneio, sendo 107 de ataque, oito de bloqueio e 10 de saque, com eficiência no ataque de 52.71%.

“O jogo contra a Eslovênia foi muito difícil para nós, fizemos de tudo para sermos campeões do mundo, infelizmente não aconteceu, saímos com a cabeça tranquila, fizemos um bom jogo. Na média considero que fomos bem, terminamos o campeonato com uma boa confiança, por isso estamos felizes”, comentou Leal. 

Ao longo da competição, Leal foi imprescindível para que o Brasil avançasse de fases. Nas oitavas-de-final, por exemplo, contra o Irã, ele marcou 20 pontos e nas quartas-de-final, contra a Argentina,  anotou 25 pontos.  

Nesta edição do Mundial, os brasileiros encerram a participação com seis vitórias em sete jogos, com 20 sets vencidos e apenas sete perdidos. O Brasil chegou à sétima medalha em Mundiais.

“O meu desempenho individual durante o Mundial foi bom, fico feliz pelo nível de competição que apresentei em todos os jogos, fica aquela tristeza de não ter ganhado o campeonato, mas faz parte. Agora é descansar um pouco e colocar a cabeça no lugar, no campeonato italiano, tenho que estar preparado, é sempre um torneio muito forte, vai ser uma nova aventura”, concluiu o jogador. 

Com a medalha de bronze, o ponteiro de 34 anos conquistou sua quarta medalha com a Seleção Brasileira. Ele foi ouro na Copa do Mundo do Japão (2019), ouro na Liga das Nações (2021) e ouro no Campeonato Sul-Americano (2019). Por Cuba, ele é medalhista de prata no Mundial de 2010, na Itália.

Esta temporada, Leal vai para seu quinto ano consecutivo jogando por clubes na Itália. Depois de ter sido protagonista por três anos no Civitanova e de ter vestido a camisa do Modena, o atacante chega ao Piacenza nesta temporada.

Veja como foi a campanha brasileira no Mundial: 

PRIMEIRA FASE

26.08 – BRASIL 3 x 2 Cuba (31/33, 21/25, 25/16, 25/17 e 18/16)
28.08 – BRASIL 3 x 0 Japão (25/21, 25/18 e 25/16)
30.08 – BRASIL 3 x 0 Catar (25/13, 25/23 e 26/24)

OITAVAS DE FINAL

06.09 – BRASIL 3 x 0 Irã (25/17, 25/22 e 25/23)

QUARTAS DE FINAL

08.09 – BRASIL 3 x 1 Argentina (25/16, 23/25, 25/22 e 25/21)

SEMIFINAL

10.09 – BRASIL 2 x 3 Polônia (25/23, 18/25, 20/25, 25/21 e 12/15)

DISPUTA PELO BRONZE

11.09 – BRASIL 3 x 1 Eslovênia (25/18, 25/18, 22/25 e 25/18)

 

Mais sobre Leal 

Leal se tornou o primeiro jogador a ganhar o Mundial por um time da América e por um da Europa. Além de ter sido o primeiro e único atleta do planeta a ser campeão do Sul-Americano, da Champions League e vencer quatro Mundiais de Clubes.
O atacante foi destaque do Lube Civitanova na conquista do scudetto da Superliga Italiana de Vôlei 2020/21. Somando apenas os resultados na Superliga Brasileira e na Superliga Italiana, duas das principais competições de clubes do mundo, em nove temporadas, os números de Leal são expressivos.
Foram ao todo 25 títulos em 30 finais disputadas pelas equipes do SADA Cruzeiro e Lube Civitanova. Ou seja, Yoandy Leal vence cinco de cada seis finais que disputa. O jogador ganhou também quatro Mundiais, seis Continentais, sete Superligas, cinco Copas Nacionais e três Supercopas Nacionais.

Entre em contato com a equipe On Board Sports:

Jonas Moura  e Katarine Monteiro

jonas@onboardsports.net | katarine@onboardsports.net