Bruno Fontes vence Copa Brasil e garante vaga nas equipes pan-americana e olímpica

0
11

 

O duelo :Gabriel Heusi/Heusi Action
O duelo :Gabriel Heusi/Heusi Action

Florianópolis   – Bruno Fontes é o grande campeão da Copa Brasil de Vela. O velejador do Iate Clube de Santa Catarina garantiu o título na classe Laser Standard ao superar a lenda Robert Scheidt em uma competição definida nos detalhes. Com o resultado, o catarinense garantiu a vaga na equipe Pan-Americana de Lima-2019 e a permanência na equipe olímpica brasileira para o próximo ano. Com sete vitórias nas doze regatas disputadas ao longo dos cinco dias em Jurerê, na Sede Oceânica do ICSC, Bruno teve uma performance brilhante, superando situações adversas para confirmar o título.

 

Duelo emocionante com Robert Scheidt foi decidido na penúltima regata do programa. Velejador do ICSC também garante vaga na equipe olímpica- Créditos: Gabriel Heusi/Heusi Action
Duelo emocionante com Robert Scheidt foi decidido na penúltima regata do programa. Velejador do ICSC também garante vaga na equipe olímpica- Créditos: Gabriel Heusi/Heusi Action

 

“Eu não poderia escolher uma semana e uma forma melhor para tudo isso acontecer. Vencer em casa, no meu clube, com a minha família e amigos ao lado, é algo que não tem preço. Estou muito feliz com o resultado e orgulhosos do meu desempenho. Vencer o Robert, cinco vezes medalhista olímpico e diversas campeão mundial, é sempre muito difícil”, avalia Bruno mostrando muito respeito por seu concorrente.

Com vento norte/nordeste de 15-20 nós Bruno manteve a consistência apresentada ao longo de todo campeonato. Mesmo perdendo a primeira regata do dia para Robert Scheidt o atleta do ICSC manteve a frieza e venceu a segunda com propriedade confirmando o título. “Tenho que agradecer muito ao apoio do Iate Clube de Santa Catarina durante todo esse período. O auxílio foi fundamental. Agora é descansar e planejar os próximos passos”, ressalta.

 

Matheus Dellagnelo e Isabela Rocha de Faria ficam com o vice-campeonato no Snipe:

Campeão pan-americano e mundial de Sunfish, Matheus Dellagnelo e a proeira Isabela Rocha de Faria buscaram a vitória a todo momento no Snipe e acabaram a Copa Brasil de Vela na segunda posição. No último dia os atletas do Iate Clube de Santa Catarina terminaram duas das três regatas disputadas na segunda posição e o título ficou com os baianos Juliana Duque e Rafael Martins.

“Fizemos força do começo ao fim, mas eles (Juliana e Rafael) andaram melhor no vento forte. Foi um grande campeonato e a sensação é de dever cumprido. Fizemos tudo que podíamos”, avalia Matheus.

Ainda no Snipe Daniel Matos e Liana Fragoso terminaram na quinta posição, enquanto Alexandre Back e Jacqueline Back terminaram em oitavo, Christian Franzen e Giovana Ferreira em nono e Anderson Oliveira e Silvia Nakamura em 11º. Já no Laser Radial José Irineu foi o sexto no naipe masculino e Guilherme Berenhauser o 11º. No 420 Tiago da Silva e Gean da Cruz terminaram na sexta posição.

Conheça os campeões de cada classe:

Laser Standard: Bruno Fontes

Laser Radial: Gabriela Kidd

RS:X Feminino: Patrícia Freitas

RS:X Masculino: Breno Francioli

470 Masculino: Geison Mendes e Gustavo Thiesen

470 Feminino: Fernanda Oliveira e Ana Luiza Barbachan

Finn: Jorge Zarif

49er: Marco Grael e Gabriel Borges

Nacra: Samuel Albrecht e Gabriel Nicolino

Snipe: Juliana Duque e Rafael Martins

Lightning: Claudio Biekarck, Gunnar Ficker e Isabel Ficker

Formula Kite: Bruno Lobo

 

A Copa Brasil é organizada pela Confederação Brasileira de Vela, com patrocínio oficial do Bradesco desde a primeira edição, e conta ainda com a parceria da Federação de Iatismo de Santa Catarina e do Iate Clube de Santa Catarina.

O campeonato tem regatas nas seguintes classes: RS:X (Masc e Fem.), Laser Standard, Laser Radial (Fem.), Finn, 470 (Masc e Fem.), 49er, Nacra 17 Foil (Misto), Snipe (Misto), Lightning (Misto), Formula Kitesurf (Open). A disputa vai até o dia 24 de novembro.

Assim como nos últimos anos, paralelamente à Copa Brasil de Vela acontece a Copa Brasil de Vela Jovem, que estará aberta às seguintes classes: RS:X (Masc. e Fem.), Laser Radial (Masc. e Fem.), 420 (Masc. e Fem.), 29er (Masc. e Fem.) e Nacra 15 (Misto). O objetivo é oferecer aos velejadores que estão em fase de iniciação e aperfeiçoamento no esporte a oportunidade de ter um contato próximo com os atletas que estão em campanha pan-americana e olímpica.


Fonte – Danilo Caboclo – Iate Clube de Santa Catarina