‘Brazilian Storm do MTB’ é destaque na etapa da República Tcheca da Copa do Mundo

0
193

 

Henrique Avancini em Albstadt, na Alemanha (Michele Mondini / Divulgação
Henrique Avancini em Albstadt, na Alemanha (Michele Mondini / Divulgação

Os ciclistas do Shimano Sports Team, Henrique Avancini, da Cannondale Factory Racing, e Rubinho Valeriano, Guilherme Muller e Mario Couto, os três da Sense Factory Racing, caíram na estrada e já estão em Nove Mesto Na Morávia, na República Tcheca para o seu próximo compromisso, após disputarem, no fim de semana passado, a etapa de Albstadt (ALE) da Copa do Mundo UCI de Mountain Bike. Em Nove Mesto, será realizada a quarta etapa do ano da Copa do Mundo, sendo a terceira desta temporada no cross country olímpico (XCO). Os quatro atletas brasileiros são representantes do Brazilian Storm, expressão emprestada do mercado do surf para valorizar o momento dos atletas do MTB nacional no circuito mundial.

A etapa tcheca terá início nesta sexta-feira (25), com o short track (XCC) para as elites feminina e masculina, às 13h e 13h45 (horários de Brasília), respectivamente. A disputa em pista reduzida, que teve estreia em Albstadt, tem vagas para os 40 melhores atletas do ranking mundial e/ou os 16 melhores do ranking da Copa do Mundo, em cada gênero. Número 4 do mundo, Henrique Avancini é um dos brasileiros que estará nesta primeira prova. “Nesta quarta (23) fiz meus primeiros treinos em Nove Mesto e estou bastante animado para o final de semana. Este é sempre um dos melhores eventos do ano, em uma das pistas que mais me adapto bem”, avalia Avancini.

No sábado (26), às 11h (horário de Brasília), será a vez de Mario Couto ir à pista, para a disputa da sub-23. “Pedalei pela primeira vez no circuito de Nove Mesto e gostei bastante. A pista é composta por várias pedras e raízes, o que deixa alto o nível técnico. Não tive um bom desempenho na Alemanha, mas estou acertando os detalhes e minhas expectativas são boas, para ir melhor agora na República Tcheca”, conta Mario, que assim como os demais atletas Shimano na Copa do Mundo, tem sua bike equipada com o grupo Shimano XTR Di2 de transmissão de marchas eletrônica.

Já no domingo (27), Henrique Avancini volta a competir, após o short track, desta vez ao lado de seus compatriotas Rubinho Valeriano e Guilherme Muller. A largada da elite masculina será às 9h35 (horário de Brasília), enquanto as mulheres largam mais cedo, às 6h20. Ambas as provas serão transmitidas pelo site da Red Bull Bike – https://www.redbull.tv/live/AP-1VMKXKQXN2111/mercedes-benz-uci-mountain-bike-world-cup.

“Será minha terceira vez neste circuito, que é bastante técnico e com várias possibilidades de linhas para se fazer. Acertar uma boa fluidez é fundamental para ir bem no XCO. Estou ousando um pouco mais na preparação. Posso até pecar pelo excesso, mas é a única forma de fazer com que meu corpo volte o mais próximo da forma que eu estava, antes de um duro acidente que sofri no início de abril, no Brasil, durante a CIMTB, em Araxá. Estou cada vez mais rápido e evoluindo na pilotagem”, revela Guilherme Muller.

Guilherme Muller em Nove Mesto Na Morave /Divulgação
Guilherme Muller em Nove Mesto Na Morave /Divulgação

Copa Internacional de Downhill – A tradicional pista de downhill do Parque Unipraias, em Balneário Camboriú (SC), será sede neste fim de semana da Copa Internacional de Downhill, prova válida pelo calendário nacional da modalidade. Entre os favoritos ao título, estará Lucas Borba, catarinense de Ibirama. “O traçado continua o mesmo dos outros anos, com poucas mudanças. É uma pista rápida e de alta velocidade o tempo inteiro. Será uma disputa acirrada, provavelmente definida por milésimos de segundos”, destaca Lukinha.

Desafio Blumenau de MTB – Outro catarinense que estará em ação neste fim de semana é Ricardo Pscheidt (Trek/Shimano/Giro29), um dos atletas mais experientes do mountain bike nacional. Pscheidt disputará o Desafio Blumenau de MTB, prova em que ele é o atual campeão. “Espero retornar mais uma vez ao pódio este ano. Será um desafio com subidas longas e trilhas técnicas, mais uma vez competindo contra os melhores ciclistas do Sul do Brasil”, analisa Pscheidt.

Ricardo Pscheidt /Divulgação/
Ricardo Pscheidt /Divulgação/

 

Suporte Neutro Shimano – Enquanto os atletas Shimano farão força dentro das pistas no Brasil e no exterior, os anjos azuis, responsáveis pelo Suporte Neutro realizado marca, estarão em ação em duas das mais importantes provas nacionais de triatlo e ciclismo de estrada, o Ironman Brasil, em Florianópolis (SC) e a Road Brasil Ride, em Botucatu (SP). O Suporte Neutro Shimano, que a partir deste ano é feito em parceria com a Blue Cycle Distribuidora (empresa que distribui exclusivamente Shimano no País), consiste no apoio técnico a todos os atletas inscritos em competições de ciclismo, independente da marca da bicicleta, componentes e patrocinadores.

Sobre a Shimano – Empresa lí­der de mercado em componentes e acessórios para bicicleta e pesca, a Shimano foi criada em 1921 e possui sede em Sakai, no Japão. O escritório da Shimano Latin America foi fundado em 2007, em São Paulo.

A Shimano desenvolveu as exclusivas tecnologias STI (Shimano Total Integration – alavanca de marchas e freio integrados), SPD (Shimano Pedaling Dynamics – para sapatilhas e pedais) e SIS (Shimano IndexSystem), entre outras, reconhecidas e referência no mundo todo. Possui entre suas marcas nomes que são sinônimos de qualidade e performance no universo ciclístico: XTR, Dura Ace, Ultegra, DI2.

Fonte – Gustavo Coelho / Doro Jr. – ZDL Sports –







 

mkt  Regata Nesws
mkt Regata Nesws