Rio Grande do Sul – Samuel Albrecht e Isabel Swan são os melhores sul-americanos na Nacra 17

0
123

PREMIAÇÃO  (1) (1)

 

 

O Sul-americano foi composto por 12 regatas e neste último dia a dupla do Veleiros do Sul somou 96 pontos perdidos


Edição – Adilson Pacheco
Fonte –Ane Meira Mancio
Comunicação do Veleiros do Sul
Post – 14/12-16:07


 

Ao terminar no sexto lugar geral como os melhores sul-americanos no Campeonato Sul-americano da Classe Nacra 17 nesta sexta-feira (11 ) no Iate Clube do Rio de Janeiro, a dupla de velejadores olímpicos do Veleiros do Sul Samuel Albrecht e Isabel Swan conquista o título de campeões Sul-americanos da classe Nacra 17 e larga na frente na disputa pela vaga olímpica. A disputa contou com a participação de 26 duplas de 17 países.

Samuel e Isabel


 

Além do título, Samuel e Isabel também largaram na frente na disputa pela vaga olímpica para representar o país na classe Nacra 17, como a dupla brasileira melhor colocada na competição. Conforme a decisão do Conselho Técnico da Vela, os resultados no Sul-Americano e na III Copa Brasil (que tem início nesta terça-feir) irão definir a dupla olímpica para 2016 na classe. “Estamos focando no dia após dia, regata após regata. Largamos na frente na disputa pela vaga olímpica, mas a Copa Brasil é um novo campeonato. Nosso objetivo é manter uma boa média para conquistarmos a vaga nos Jogos Rio 2016”, disse a proeira Isabel, medalhista olímpica com um bronze em Pequim 2008.

O Sul-americano foi composto por 12 regatas e neste último dia a dupla do Veleiros do Sul somou 96 pontos perdidos, apenas dois de diferença para a quinta colocação dos ingleses Ben Sexton e Nicola Groves e nove do quarto lugar dos dinamarqueses Allan Norregaard e Anette Emille Viborg, mostrando foco e competitividade em todo o campeonato.

Primeiro lugar 


 

O primeiro lugar ficou com os neozelandeses Gemma Jones e Jason Saunders, com os italianos Vittorio Bissaro e Silvia Sicouri em segundo e os suíços Matias Buhler e Nathalie Bruggir em terceiro. No pódio sul-americano, Samuel Albrecht e Isabel Swan foram os melhores, com os argentinos Santiago Lange e Cecilia Carranza em segundo (no 10º lugar geral) e os brasileiros João Bulhões e Gabriela Nicolino de Sá em terceiro (13º lugar geral).