Ilha de Santa Catarina/Floripa- Dupla do Iate Clube de Santos assume a liderança do Sul Brasileiro de Snipe

0
120

Domingo (1) (1) (1) (1) (1) (1)

Em mais um dia de forte chuva e ventos rondados, Rafael Gagliotti e Henrique Wisniewski assumiram a liderança da competição após cinco regatas. Felipe Linhares e Eduardo Beirão, do Iate Clube de Santa Catarina, aparecem um ponto atrás

Edição – Adilson Pacheco
Fonte – Danilo Cabloco/ICSC
Post – 6/9-22:28

Na Ilha de Santa Catarina em um domingo chuvoso na capital catarinense foi realizado o segundo dia de competições do 45º Campeonato Sul Brasileiro de Snipe. Mesmo com as pancadas de chuva, as condições foram melhores do que no sábado com vento norte variando entre 10 e 18 nós. A dupla paulista Rafael Gagliotti e Henrique Wisniewski, do Iate Clube de Santos, mantiveram o bom ritmo de sábado e assumiram a ponta da competição com onze pontos perdidos.
“Apesar de não sermos daqui nós conhecemos bem o local. A gente veleja em Florianópolis desde 2004 e já estamos acostumados com a raia de Jurerê”, disse o proeiro Henrique Wisniewski, que em 2014 conquistou o 4º lugar no Brasileiro da Classe Snipe, disputado também em Jurerê. “A tática para segunda-feira é simples, temos que largar bem e tentar andar próximo dos nossos adversários”, completa.
Neste domingo, a dupla santista um primeiro e um sexto lugar, além de descartar uma regata de desqualificação. Logo atrás dos paulistas, aparece a equipe do Iate Clube de Santa Catarina, Felipe Linhares e Eduardo Beirão, que soma doze pontos perdidos, um a mais do que Rafael e Henrique. Os catarinenses tiveram um dia extremamente positivo com dois segundos e um quinto e encostaram na briga pelo título.

Líderes no sábado, Adriano Santos e Christian Franzen (ICSC) ocupam agora o terceiro lugar com 14 pontos perdidos (terceiro, sétimo e oitavo nas regatas deste domingo). Os gaúchis Gabriel dos Santos e Tayla, Clube dos Jangadeiros, estão em quarto, com os mesmos 14 pontos perdidos da dupla catarinense e em quinto estão Alex Juk e Piero Furlan, também do ICSC, com 17 pontos perdidos.
Nesta segunda-feira a previsão é de mais duas regatas que definirão o resultado da competição em Florianópolis.

Acompanhe todas as informações do Sul Brasileiro de Snipe na página do evento:http://icsc.com.br/etapas/45o-campeonato-sul-brasileiro-da-classe-snipe/
Classificação após duas regatas:
1º Rafael Gagliotti/Henrique Wisniewski (ICS) –11pp (2+2+1+[24)+6)
2º Felipe Linhares/Eduardo Beirão (ICSC) – 12pp (5+3+2+2[5])
3º Adriano Santos/Christian Franzen (ICSC) – 14pp (3+1+3+7+[8])
4º Gabriel dos Santos/Tayla Freitas (CDJ) – 14pp (4+[11]+5+1+4)
5º Alex Juk/Piero Furlan (ICSC) – 17pp (7+[8]+6+3+1)
6º Mario Tinoco/Tina Boabaid (ICSC) – 21pp (6+4+7+4+[24])
7º André Servaes/Rodolfo Correa (ICSC) – 22pp ([18]+10+4+6+2
8º Gaetan Labi/Walter Araujo (LIC) – 23pp (10+5[10]+5+3)
9º Luciano de Oliveira/Alberto Sanchotene (ICSC/ICG) – 25pp (1+6+11+[11]+7)
10º Daniel Mattos/Davi Gnecco (ICSC) – 37pp (9+[15]+9+10+9)