Museu Nacional do Mar de São Francisco do Sul –

0
164

São Chico  (1) (1) (1) (1) (1) (1) (1)A ideia de se criar um museu no local surgiu na década de 1980, durante os estudos para o tombamento do centro histórico de São Francisco do Sul

Edição – Adilson Pacheco
Fonte – Marina Bruschi
Coordenadora/FCC-Museu Nacional do Mar
Post – 13/08-20:35

Os galpões da extinta empresa de navegação da Cia Hoepcke, no município de São Francisco do Sul, a 189 quilômetros de Florianópolis, hoje abrigam o Museu Nacional do Mar – Embarcações Brasileiras, criado em 1991 pelo decreto 615, de 10 de setembro, inaugurado em dezembro de 1992 e aberto oficialmente à visitação do público no início de 1993. O espaço pode ser compreendido como um território para a salvaguarda do patrimônio naval brasileiro, reunindo em seu acervo uma grande diversidade de embarcações de várias regiões do país.

A ideia de se criar um museu no local surgiu na década de 1980, durante os estudos para o tombamento do centro histórico de São Francisco do Sul. O espaço não poderia ser mais oportuno. Além disso, a construção está em sintonia com a bela Baía da Babitonga, a qual é possível vislumbrar logo na entrada do museu e durante boa parte do percurso da exposição.

O Museu Nacional do Mar é, sem dúvidas, de suma importância e significado no contexto da preservação da memória do patrimônio naval brasileiro e das culturas ribeirinhas e litorâneas. Anualmente, cerca de 40 mil pessoas, entre grupos de estudantes, pesquisadores e turistas vindos de todas as partes do Brasil e do mundo procuram pelo espaço, interessados em conhecer melhor as artes e saberes do homem do mar.