Itajaí Sailing Team vence barco do velejador Larns Grael

0
214

Sailing 891

O time venceu o barco do velejador Larns Grael e já faz da elite do esporte náutico

Primeira matéria:
Titulo:
Itajaí Sailing Team é o campeão brasileiro na classe ORC. Proxima regata: Recife e Fernando de Noronha, a largada será dia 21 setembro

Adilson Pacheco
Editor

Um time de navegadores de Santa Catarina está fazendo história nas últimas regatas realizadas no Brasil. Uma tripulação integrada por: Avelino Alvarez; Alexandre Niederauer; Orlando França; Alexandre Back; Claudio Copello; Fabiano Vitorino; Alexandre Santos; André Baranowsk; Marcelo Gusmão e Paulo Linhares já está na elite do esporte brasileiro.
Pois é, este time derrotou o histórico medalhista Lars Grael e terminou a principal regata do país a Ilhabela Sailing Week em segundo lugar e se consagrou como campeão brasileiro na classe ORC. O barco de Itajaí agora ocupa a quinta colocação geral da classe. O barco integra a flotilha do Iate Clube de Santa Catarina
Um dado interessante é que este novo time nasceu há menos de um ano e oficialmente lançado durante a 12ª Volvo Ocean Raça, ocasião em o prefeito Jandir Bellini lançava uma campanha institucional – “Itajaí: Polo náutico do Brasil” e um das linhas de ação deste projeto era a idealização de um barco para competição náutica representando a cidade, o que ocorreu.
Santa Catarina
42ª edição da Ilhabela Sailing Week e mais uma vez a flotilha do Iate Clube de Santa Catarina conseguiu ótimos resultados no maior evento de vela oceânica da América Latina. O Itajaí Sailing Team, comandado por Marcelo Gusmão, foi o vice-campeão na ORC. Na classe C30, o Zeus Team, comandado por Inácio Vandressen, manteve a posição do Brasileiro e terminou na 3ª posição. Na classe ORC competiram 24 barcos

Itajaí Sailing Team
O time é patrocinada pela APM Terminals Itajaí, Anasol, Brasfrigo e Frigorífico JBS. Para o coordenador do Iate Sailing Team, Alexandre Antonio dos Santos, o time teve um bom desempenho durante a competição. “Infelizmente ficamos com o segundo lugar, mesmo assim foi um feito inédito, perdemos somente para um barco do Uruguai e fomos o melhor barco brasileiro superando vários favoritos. Perdemos somente para um barco do Uruguai e fomos o melhor barco brasileiro superando vários favoritos” explica.
Terminada a competição Alexandre Santos e sua tripulação já está em Itajaí perguntado como recebeu a vitória.

– Este momento ainda estamos comemorando, conseguimos abrir muitas portas para o futuro da vela. Itajaí como campeão brasileiro na principal categoria da vela no país, ficamos credenciados a receber recursos federal para alavancar ainda mais nossos projetos
Nosso próximo desafio é a Refeno, uma regata muito importante para o projeto, principalmente para nossa equipe pegar experiência em travessia, ela larga em Recife e finaliza em Fernando de Noronha, a largada será dia 21 setembro
Esta regata temos o objetivo de realizar em 40 horas de travessia.

E já vai avisando para tripulação

– Em agosto realizaremos treino e competições em Santa Catarina para manter o preparo!

————x

Navegadores de Itajaí promovem ação social em escola na Ilhabela

Em Ilhabela o time realizou uma ação social com estudantes – A ação social ocorreu com visita dos navegadores a Escola Municipal Prof. Ophélia Reale Montanhesi, com alunos do primeiro ao quinto ano do ensino fundamental. Foram 93 alunos no período matutino e 134 alunos do vespertino, que receberam os participantes da equipe com grande entusiasmo.
Nas visitas, o coordenador do projeto Alexandre Antonio dos Santos iniciou sua apresentação com a exibição de vídeo motivacional da Volvo Ocean Race. Fez referência ao início do projeto Itajai Sailing Team e apresentou toda a tripulação. Mostrou fotos das regatas que participaram e focou na de Ilhabela, ocorrida denominada Regata Alcatrazes.
Incentivou os alunos a seguirem o caminho da vela ao mencionar Ilhabela como capital da vela e revelou que Itajaí está no mesmo caminho. Conta com a Associação Náutica de Itajaí (ANI), da qual o ex-presidente Cláudio Copello faz parte da tripulação, e levou ainda para Ilhabela o velejador Alexandre de Souza Filho, hoje com 15 anos e que desde 2012 compete em regatas de monotipo, acumulando vários títulos. O velejador e comandante Marcelo Gusmão, atleta de destaque que participou das Olimpíadas de Atlanta em 1996, também fez sucesso entre a garotada.

.