Abertura da Ilhabela Sailing Week contorna alcatrazes, santuário ambiental marinho

0
143

Ilhabela b1

Veleiros irão passar ao largo do Arquipélago de Alcatrazes no dia 4 de julho, abertura do principal evento de oceano da América Latina
Edição – Adilson Pacheco
Fonte- Ary Pereira Jr/ZDL
Post: 17/06-16:46
São Paulo – A disputa da mais longa regata da 42ª Ilhabela Sailing Week é também um privilégio aos olhos das tripulações que irão contornar o Arquipélago de Alcatrazes, área de 196 hectares (aproximadamente dois km²), protegida pela Estação Ecológica (ESEC) Tupinambás e administrada pelo Instituto Chico Mendes de Conservação e Biodiversidade, entidades vinculadas ao Ministério do Meio Ambiente.
A Regata Alcatrazes por Boreste em homenagem à Marinha do Brasil, será dedicada neste ano aos 150 anos da Batalha do Riachuelo. Os barcos largarão em 4 de julho, ao meio-dia. O contorno do arquipélago respeitará a distância estabelecida na Instrução de Regata (IR) em relação à costa da ilha principal, Alcatrazes, e demais ilhotas e lajes que compõem o arquipélago localizado 45 km ao sul do Porto de São Sebastião.
O espaço de preservação ambiental de Alcatrazes constitui uma área única no País quanto à fauna e à flora. “O arquipélago possui o maior ninhal de fragatas do Atlântico Sul. É habitado por aves, peixes, cetáceos e répteis. Algumas espécies são endêmicas. Evoluíram de forma diferente para se adaptarem às condições locais. Há uma orquídea, por exemplo, que só existe lá, assim como serpentes e rãs. Podemos chamar a ilha de pequena Galápagos brasileira, sem exagero”, considera o diretor de Meio Ambiente e Sustentabilidade do Yatch Club de Ilhabela (YCI), Julio Cardoso, membro do Conselho da ESEC Tupinambás.
Existe uma campanha para que a Estação Ecologica, hoje com restrição de acesso, torne-se um Parque Marinho ou uma Unidade de Conservação, o que permitirá visitações controladas e monitoradas com finalidade de aumentar os trabalhos educacional e de pesquisa, atualmente desenvolvidos pelos Institutos Butantã e Oceanográfico da USP. “Há dois anos chegamos a fazer abaixo-assinado durante a Ilhabela Sailing Week com apoio da família Grael e de centenas de velejadores. para a criacao do Parque Marinho, mas isto infelizmente ainda não aconteceu. A conscientização que já existe no velejador, em favor da preservação de Alcatrazes é um fator positivo, pois quem conhece o local se apaixona e passa a defender sua preservação”, afirma Julio Cardoso.
As autoridades ambientais pretendem aproveitar o respeito que o velejador demonstra com os espaços onde prática o esporte para reforçar a importancia do arquipélago como area de preservacao. “Considerando-se a extrema importância e sensibilidade do Arquipélago de Alcatrazes, é importante que os velejadores estejam cientes das consequências de possíveis distúrbios e impactos na vida marinha e terrestre do local, mantendo condutas ambientalmente corretas”, recomenda o analista ambiental, chefe da ESEC Tupinambás, Edilson Esteves.
Desafio em mais de 100 km – A Regata Alcatrazes por Boreste – Marinha do Brasil tem tradicionalmente percurso de 60 milhas náuticas (111 km) e o tempo dos vencedores apresenta variações, assim como a distância, de acordo com a intensidade e direção do vento. O recorde da prova pertence ao veleiro argentino Cusi 5, que estabeleceu 6h12m29 em 2009, enquanto o vencedor da última edição, em 2014, o também S40 Carioca, do Iate Clube do Rio de Janeiro, percorreu 46 milhas (85 km) 7h15m05, tornando-se o Fita Azul da regata.

Inscrições permanecem abertas –
As inscrições estão abertas e seguem até 1º de julho. Porém, as tripulações interessadas em participar da 42ª Ilhabela Sailing Week podem aproveitar o segundo período com descontos até 26 de junho e antecipar a inscrição pelo site: http://www.ilhabelasw.com.br/2015/. A abertura do evento será em 3 de julho, simultânea à Semana de Monotipos, e as regatas de oceano serão disputadas entre os dias 4 e 11, com sede no YCI. Quanto mais cedo for confirmada a inscrição, mais benefícios serão oferecidos às tripulações.
Estão convidadas as classes: ORC, IRC, BRA-RGS, RGS Cruiser, S40, Star, HPE 25, C30, Mini e Clássicos, além do retorno da Bico de Proa e da estreia da HPE 30. A 42ª Ilhabela Sailing Week tem organização do Yacht Club de Ilhabela e patrocínio de Mitsubishi Motors. Os apoios são de North Sails, Prefeitura Municipal de Ilhabela, CBVela, Marinha do Brasil, Yacht Club Argentino e Full Time.

Programação
– 3/07 (sexta-feira), 9 às 23h: Secretaria do Evento aberta
– 4/07 (sábado), 8 às 17h: Secretaria do Evento aberta
# 12 h: Regata Alcatrazes por Boreste Marinha do Brasil – Classes: ORC, IRC, S40, RGS Cruiser, Bra-RGS A e B
# 12h10: Regata Ilha de Toque-Toque por Boreste – Classes: C30, Bra-RGS C e Clássicos
– 6/07 (segunda-feira), 12h: Campeonato Brasileiro da classe C30
– 7/07 (terça-feira), 12h: Campeonato Brasileiro da classe C30
– 8/07 (quarta-feira), 12h: Regatas para todas as classes
– 9/07 (quinta-feira), 12h: Regatas para todas as classes
# Após as regatas do dia: Premiação das regatas de percurso do dia 4/07
– 10/07 (sexta-feira), 12h: Regatas para todas as classes
– 11/07 (sábado), 12h: Regatas para todas as classes
# 20h: Premiação geral da 42ª ISW e demais campeonatos