Florianópolis: Bons ventos marcam a Regata Fortalezas/Biogenetika

0
237

AlexandreTerceira etapa da Copa Veleiros de Oceano aconteceu neste sábado, 25, em Florianópolis.

Florianópolis- Mais uma vez a flotilha de vela oceânica do Iate Clube de Santa Catarina se reuniu para as disputas da terceira etapa da Copa Veleiros de Oceano. Após a realização com grande sucesso da Regata Centro-Jurerê e Regata Cidade de Florianópolis, a Regata Fortalezas/Biogenetia, uma das mais técnicas do calendário, ocorreu com bons ventos.
A previsão de vento sul se concretizou e mais uma vez o público pode conferir a largada de uma regata com os veleiros içando os balões coloridos, mas dessa vez com as equipes saindo em direção ao norte da ilha próximo ao Forte de Santana, sob a estrutura da Ponte Hercílio Luz, o que garante um espetáculo ainda mais belo.
Após a largada, os mais de vinte barcos participantes cumpriram o percurso passando pelo Forte Santo Antônio de Ratones, na Ilha de Ratones Grande, Forte de São José da Ponta Grossa, esse feito apenas pelos barcos mais velozes, e, por fim, o Forte Santa Cruz de Anhatomirim, na Ilha de Anhatomirim, assim retornando ao Forte de Santana, que serviu como chegada para as equipes.
O veleiro Zeus Team mostrou mais uma vez seu poder de competição e dominou a regata entre os C30, terminando a frente do Corta Vento, segundo colocado. Na Classe ORC, quem se deu bem foi o Melody 5, que superou a forte equipe do Itajaí Sailing Team (2º) e Catuana Kim (3º).
Na RGS A, Plancton e Argonauta fizeram um ótimo duelo, com pequena diferença para o Plancton, vencedor da regata. Na RGS B o Zephyrus voltou a velejar muito bem e terminou em primeiro lugar, à frente de Vendal V (2º) e Bom Abrigo (3º). Entre os veleiros da RGS Cruzeiro, classe com maior número de participantes melhor para o Carino, grande campeão da etapa. Y-Jurerê-Mirim e Açores III completaram o pódio, em segundo e terceiro, respectivamente.
Repetindo os bons duelos do Circuito Oceânico, os veleiros de HPE25 Tereza e Força 12 fizeram um bom duelo na Regata Fortalezas/Biogenetika e no final, a equipe do Tereza levou a melhor. Na Proa Rasa, o Maskote foi o vencedor, seguido pelo Zimbro.
A próxima etapa da Copa Veleiros de Oceano acontece no dia 30 de maio, com as disputas da Regata Tripulação.

Fonte: Danilo Caboclo – SixComm Assessoria de Imprensa