Está chegando o grande dia: Sexta feira – amanhã é o dia da abertura da Vila da Regata

2
319

abertura 1

1dd22

Faltam 1 dia para Itajaí ser a capital mundial da vela
Expectativa é que a parada em Itajaí receba mais de 300 mil pessoas, impulsionando a economia local e do estado.

O ano de 2015 não será morno para os mega-eventos esportivos no Brasil. Inicia nesta sexta-feira a parada em Itajaí da Volvo Ocean Race, a maior regata do Planeta, transformando o município catarinense na capital da vela mundial. A abertura dos portões da Vila da Regata em Itajaí está programada para as 19h do dia 03 e, a chegada dos veleiros, a partir do sábado.
A competição pelos mares do mundo e com nove meses de duração tem um percurso de 38.739 milhas náuticas e sete equipes disputando. No entanto, no percurso Auckland (Nova Zelândia) e Itajaí, apenas cinco veleiros participam. O Team Vestas Wind teve seu barco seriamente avariado no trecho Abu Dhabi e Sanya e está em reparos e a equipe Donfeng Race Team teve o mastro quebrado na travessia do Cabo Horn. Vem para Itajaí a motor. Porém, está fora da disputa desta etapa. A largada ocorreu na cidade espanhola de Alicante, em 11 de outubro, a 29.322 milhas de Itajaí.
Enquanto isso, as equipes locais, coordenadas pelo Comitê Central Organizador do Itajaí Stopover 2014-15, as da Volvo Ocean Race e as equipes dos times participantes não poupam esforços para garantir a conclusão da Race Village. Neste ano a expectativa é de que a parada de Itajaí receba mais de 300 mil pessoas, impulsionando a economia local e do estado.
Desde o ano passado a organização local cumpre um rígido caderno de encargos para garantir o sucesso do evento. A lista de tarefas prevê, entre outros encargos, detalhes como facilidade de acesso e rigor na segurança do público, adequação de áreas para atracação, sustentabilidade e acomodações. “Desenvolvemos um planejamento para garantir que o evento seja realizado de forma impecável. Não medimos esforços para que a parada em nossa cidade seja um sucesso”, informa o presidente do Comitê Central Organizador do Itajaí Stopover 2014-15, Alexandre Antonio dos Santos.
Para CEO da Volvo Ocean Race, Knut Frostad, foi o sucesso obtido por Itajaí na edição 2011-12 que trouxe a regata novamente à cidade. “A Volvo Ocean Race tem um caderno de encargos exigente como qualquer mega-evento. Itajaí, por exemplo, nos procurou e sediou a prova em 2011-12. O sucesso foi enorme. Confesso que decidimos repetir a parada por vários motivos, mas o principal foi o entusiasmo do público local”, garante Frostad. Já Alexandre Santos diz que o legado da regata terá continuidade na edição 2014-15.

Legado- Na edição de 2011-12, a Volvo Ocean Race desembarcou pela primeira vez em Itajaí, após seguidas paradas no Rio de Janeiro. O público impressionou a organização e os patrocinadores. Mais de 250 mil pessoas passaram pela Vila da Regata durante o evento.
O retorno de mídia, por exemplo, foi de mais de 4 mil reportagens veiculando o nome de Itajaí, quase 130 horas de conteúdo televisivo e 445 imagens da cidade exibidas em jornais e revistas no Brasil e exterior. O Programa de Sustentabilidade desenvolvido na cidade também foi premiado pela organização da Volvo Ocean Race como o melhor de todas as paradas na edição passada.
Rota – A edicão 2014-15 iniciou em 04 de outubro do ano passado com a chamada In-port race, em Alicante (Espanha). Os barcos partiram no dia 11 para a Cidade do Cabo, na África do Sul. De lá, largaram no dia 19 de novembro, com destino a Abu Dhabi (Emirados Árabes Unidos). As outras paradas foram Sanya (China), de onde partiram com destino a Auckland (Nova Zelândia), no dia 18 de março.
Da cidade neozelandesa, largaram para Itajaí em 18 de março e daqui partem para Newport (EUA) em 19 de abril. Depois para Lisboa (Portugal), Lorient (França), Haia (Holanda) e Gotemburgo (Suécia), onde a competição será encerrada com a prova final no dia 27 de junho de 2015.

2 COMENTÁRIOS

Comments are closed.