Francês diz que chegada à Itajaí foi sua melhor experiência em uma Transat Jacques Vabre

0
157

Tanguy de Lamotte é um dos primeiros velejadores a se inscrever na edição de 2015

Tanguy de Lamotte é um dos primeiros velejadores a confirmar participação na próxima edição da regata Transat Jacques Vabre e não economizou elogios ao falar de Itajaí. Lamotte competiu a bordo do barco “Initiavies Coeur” e foi categórico ao falar à imprensa francesa, na semana passada, que a chegada à Itajaí na edição de 2013 é a sua melhor lembrança, entre todas as edições que participou. Quem também anunciou oficialmente que irá disputar a regata em 2015 foi a dupla Armel Le Cléac’h e Erwan Tabarly, a bordo do veleiro “Banque Populaire VIII”.
Lamotte concedeu entrevista por ser um dos primeiros a confirmar participação na edição da regata que chegará à Itajaí no próximo mês de novembro. Ele, que ainda não tem parceiro confirmado para competir neste ano, foi questionado sobre quais eram a pior e a melhor lembrança que ele guarda de todas as quatro edições da Transat Jacques Vabre acumuladas em seu currículo. A resposta do francês não poderia ser mais positiva: “A melhor lembrança? Nossa chegada à Itajaí ao lado de François Damiens [com quem ele dividia o cock pit do barco na época]”, disse Lamotte. “Chegar ao final foi realmente uma bela conquista, sobretudo porque a gente tinha contato visual com Alessandro di Benedetto [do Team Plastique]. A gente cruzou a linha de chegada apenas 9 segundos na frente dele [barco Team Plastique]. Um final um tanto mágico em uma regata”, descreveu o velejador que terminou na oitava colocação.
Ele ainda emendou: “Mágico também porque nós conhecemos pela primeira vez o novo destino da competição, um lugar que teremos prazer em retornar neste ano: Itajaí”. O barco dele teve um contratempo a poucas milhas de cruzar a linha de chegada, em 2013, quando ficou preso a uma rede de pesca. O fato, no entanto, acabou sendo responsável por uma das chegadas mais acirradas da competição, para surpresa do público que os aguardava no píer da Vila da Regata.

A entrevista de Lamotte foi dada ao site “LeHavre.fr”, gerenciado pela prefeitura da cidade de Le Havre, durante o anúncio da inscrição de seu barco na semana passada. Além dele, a dupla de franceses Armel Le Cléac’h e Erwan Tabarly também confirmou participação e disputará a corrida transatlântica a bordo do “Banque Populaire VIII”. A largada será no dia 25 de outubro, na França, com previsão de chegada para os primeiros dias do mês de novembro na Vila da Regata em Itajaí.