André Fonseca, Bochecha, está escalado para sua terceira Volta ao Mundo

0
166

André Fonseca está escalado para sua terceira Volta ao Mundo. Em 2005-06, o atleta correu no Brasil 1, primeiro e até agora único barco brasileiro na regata.
Bocheca foto Adilson Pacheco (28)

A cidade catarinense de Itajaí ganha pela segunda vez uma parada da Volvo Ocean Race e agora conta com um representante verde-e-amarelo André Fonseca, apelidado de Bochecha. O velejador catarinense de 36 anos será chefe de turno do Team Espanha durante as provas. A Volvo Ocean Race começa em 4 de outubro, com a In-Port Race – chamada também de Regata do Porto.
André Fonseca está escalado para sua terceira Volta ao Mundo. Em 2005-06, o atleta correu no Brasil 1, primeiro e até agora único barco brasileiro na regata. O time de Torben Grael ficou em terceiro lugar. Um dado interessante – um dos tripulantes estrangeiro era o velejador norueguês Knut Frostad, CEO da Volvo Ocean Race. Na edição seguinte, a de 2008-09, o velejador integrou o Delta Lloyd.
Segundo André – “No final de agosto Iker, o comandante do barco, me chamou para fazer um teste. Era só uma proposta para um teste e como as coisas foram acontecendo consegui fazer um bom trabalho e esse teste começou ser um convite para formar parte da equipe, não definida para as etapas porque somos 11 velejadores que vamos ir trocando em cada etapa, mas estou muito contente de formar parte da equipe espanhola e também de velejar com o Iker e o Xabi. Eu admiro muito a eles, foram adversários muito tempo na classe 49er e eu nunca consegui ganhar a eles, tenho uma admiração muito grande por eles, medalha de ouro e medalha de prata em Olimpíadas”.
Já o skipper Iker Martinez comenta sobre os desafios que tem pela frente até a largada em Alicante “Desafios pela frente? Muitos! O tempo de preparação da equipe é muito curto, mas também muito intenso. O principal é começar a velejar contra o resto das equipes e saber qual é a nossa posição em comparação com o resto. Depois já veremos” comenta Martinez.